10 causas da enxaqueca - Melhor com saúde

10 causas da enxaqueca

Os estímulos sensoriais exagerados, desde luzes brilhantes até sons estridentes e odores fortes, podem desencadear uma crise de enxaqueca. Há pessoas que também são afetadas por mudanças no clima.

São muitas as pessoas que sofrem de enxaqueca, uma dor de cabeça atípica.Os ataques de dor geralmente incluem uma sensação pulsátil ou uma dor palpitante acompanhada de sensibilidade à luz e ao som, ás vezes podem causar náuseas e vômitos, e durar de 4 a 72 horas.  Conheça agora 10 causas de enxaquecas e evite este sofrimento.

Para os que sofrem com a enxaqueca, os ataques podem parecer aleatórios. No entanto, uma estratégia que pode ajudar é a identificação de possíveis fatores desencadeantes: coisas, situações ou atividades que possuem uma alta probabilidade de desencadear uma enxaqueca.

Ainda que os fatores nem sempre sejam claros, muitos médicos sugerem manter um diário de dor de cabeça, uma tentativa de identificar e, em último caso, evitar as circunstâncias que pareçam disparar a enxaqueca.

Os desencadeantes variam de pessoa para pessoa, e inclusive de um dia para o outro. A determinação e o controle dos fatores desencadeantes pessoais pode ser um exercício de autoconhecimento que lhe dá mais controle sobre a sua enxaqueca, especialmente quando se combina com um estilo de vida saudável em geral, incluindo uma dieta balanceada, exercício regular e controle do estresse. A seguir, os 10 desencadeantes de enxaquecas que se aplicam para todas as pessoas.

Mudanças na rotina de sono

O cérebro das pessoas que sofrem com enxaquecas gosta que as coisas sejam as mais normais e confiáveis possíveis e na mesma rotina.

E isso inclui o seu horário de sono, se dormimos pouco ou experimentamos uma descompensação horária, podemos desencadear um ataque de enxaqueca.

O ideal é sempre levantar na mesma hora todos os dias, inclusive aos sábados e domingos. Parece difícil, mas vale a pena, você não somente pode evitar dores de cabeça como também ajuda seu sono.

Trocar seu relógio biológico várias horas a cada final de semana, faz com que seu corpo tenha uma diferença de horário fixo, que pode causar problemas tanto de sono, quanto na sua saúde futura.

A calma após o estresse

enxaqueca2

Faz sentido que o estresse seja um desencadeante da enxaqueca para muitas pessoas, mas resulta que, em geral o que causa a enxaqueca é o período de relaxamento após o estresse.

A resposta do corpo ao estresse aumenta os níveis de várias substâncias químicas que logo decaem assim que nos acalmamos.

Essa diferença nos níveis desses compostos pode ser um fator que desencadeie a enxaqueca. Isto explica porque um ataque pode vir no primeiro dia de férias, no dia depois de sair de um trabalho estressante ou no começo da sua lua-de-mel.

A chuva

Ainda que não haja nenhuma pesquisa definitiva que prove que o clima pode causar enxaquecas, vários pacientes dizem que sofrem frequentemente com os ataques em dias chuvosos. Dado que não podemos controlar o tempo, podemos tomar um cuidado especial para evitar outros fatores desencadeantes em dias de chuva. 

As flutuações do estrogênio

enxaqueca

As flutuações dos estrógenos causadas pela menstruação ou devido às pílulas anticonceptivas, a gravidez, o período logo após o parto, a menopausa podem desencadear enxaquecas. Podem também reduzir o limiar da enxaqueca, o que significa que você pode ficar mais suscetível a outros fatores desencadeantes.

Odores fortes

Odores fortes, como o perfume de seu companheiro de trabalho, pode ser um incômodo para algumas pessoas que sofrem de enxaqueca e podem desencadear um ataque.

Estímulos sensoriais como luzes brilhantes (incluindo o sol, a tela do computador ou brilho da tela do cinema), os odores fortes (como o perfume ou a fumaça do cigarro) e os ruídos forte podem ser todos responsáveis pela dor de cabeça.

A alimentação

enxaqueca3

Os alimentos que contenham tiramina (incluindo o vinho tinto, queijos curados, certas carnes processadas e carne de porco) e taninos (incluindo o vinho tinto, o chá, o café e o suco de maça), podem causar um ataque de enxaqueca.

Outros aditivos alimentares como o glutamato monossódico, o aspartame e os nitritos, podem ser responsáveis pela dor de cabeça, ainda que, novamente, muitos dos dados provem de relatos de pacientes e não de fatos científicos.

Estes aditivos também podem causar enxaquecas nas pessoas com doença celíaca ou alérgicas ao glúten. Escrever um diário pode ajudar a localizar os alimentos que possam estar causando as dores de cabeça.  

Café

O consumo do café funciona em ambos os sentidos: o excesso de cafeína pode desencadear uma dor de cabeça e, para quem consome muito café, não receber sua cota de cafeína também pode causar enxaqueca. Se você ingere muito café durante toda a semana no trabalho e não em casa, pode ser a razão de suas dores de cabeça de fim de semana.

O álcool

enxaqueca4

O corpo metaboliza o álcool em acetato, o que pode ser uma causa de enxaquecas. Para evitar a dor, beba com moderação, consumindo alimentos durante a ingestão de bebidas alcoólicas. Enquanto todas as bebidas alcoólicas causem enxaquecas, licores de cor escura, como a tequila, o uísque e o vinho tinto parecem ser piores. 

O esforço físico

O esforço físico pode desencadear dores de cabeça. Ainda que a causa exata das enxaquecas induzidas pelo exercício não seja totalmente compreendida, acredita-se que poderia ser uma mudança química no cérebro, especialmente entre aqueles que estão apenas começando a praticar exercícios. Nesse sentido, o ideal é praticar exercícios regularmente.

Pular refeições

enxaqueca5

Uma vez mais a rotina é a chave para aqueles que sofrem de enxaquecas. Pular refeições ou ficar de jejum pode desencadear um ataque. Não se sabe exatamente a razão, mas pode estar relacionado com os níveis baixos de glicose no sangue. De qualquer maneira, é importante comer regularmente sempre que possível para evitar a enxaqueca.