10 sinais que podem indicar um câncer de mama

10 sinais que podem indicar um câncer de mama

Dado que um diagnóstico precoce é fundamental para deter o impacto da doença, é muito importante que estejamos atentos aos primeiros sintomas, que costumam passar despercebidos.
10 sinais que podem indicar um câncer de mama

A maioria das pessoas ignora certos sinais que o corpo envia para advertir de que talvez algo não está bem. É certo que nem sempre temos que nos preocupar com alguns sintomas, mas também não podemos simplesmente ignorá-los, já que não se sabe quando estão anunciando um problema de saúde grave.

No caso do câncer de mama, os especialistas insistem que detectá-lo a tempo é a medida mais eficaz para deter o seu impacto e aumentar a expectativa de vida.

No entanto, seus sintomas iniciais costumam ser ignorados e, na maioria dos casos, a doença só é detectada quando já está em uma etapa mais avançada.

Conhecer os primeiros sinais do câncer de mama é uma medida preventiva para estarmos prontas para detectar a doença a tempo. Por isso, neste artigo, iremos compartilhar 10 sinais precoces que podem indicar sua presença.

Perda de peso inexplicável

Para toda mulher, pode parecer um milagre perder peso de forma repentina e inexplicável, pois no final das contas, a maior parte de nós está em uma busca constante para emagrecer e manter um peso saudável.

No entanto, em vez de nos alegrarmos, este sintoma deveria ser motivo de preocupação, já que a perda repentina de 5 ou mais quilos é um dos primeiros sinais de câncer de mama.

Cansaço

cansaço sem explicação pode ser câncer de mama

Sentir cansaço depois de um dia de trabalho ou passar por uma situação tensa é algo muito comum.

O risco começa a existir quando o cansaço se converte em algo crônico e não desaparece apesar de dedicarmos um tempo adequado ao descanso.

Sangramento ou hemorragias anormais

Qualquer tipo de sangramento ou hemorragia em datas inesperadas pode ser um sinal de alerta, seja de câncer ou de outra doença.

Em geral, as pessoas que têm esta doença apresentam um leve sangramento no mamilo.

Nódulos

A maioria dos nódulos costuma ser benigna, mas mesmo assim devemos ficar atentas.

Durante anos fomos advertidas de que os nódulos nos seios podem estar alertando-nos em relação a um câncer. No entanto, a sua aparição nem sempre indica câncer de mama, já que eles também podem surgir por uma infecção ou cistos.

Alteração na pele

coceira nos seios pode ser sinal de câncer de mama

A pele que cobre o seio também pode sofrer algumas alterações que nos alertam sobre a possível presença do câncer. Entre os sinais que devemos levar em conta estão:

  • Vermelhidão
  • Feridas
  • Mudanças de cor
  • Celulite ou o aspecto “casca de laranja”

Afundamento do mamilo

Ao examinar os seios, é muito importante observar com atenção os mamilos para verificar se estão normais e não apresentam nenhuma alteração.

A retração ou afundamento dos mamilos é um sintoma quase evidente de câncer de mama.

Dor na mama

Nas primeiras etapas, é pouco comum sentir dor nas mamas ao apertar ou apalpar um pouco os seios.

No entanto, quando a doença começa a avançar, é muito comum sentir sensibilidade e dor nos seios ao tocá-los.

É importante lembrar que devemos ficar atentas para não confundi-la com a dor que aparece todos os meses por causa da tensão pré-menstrual, ou por alguma infecção como a mastite.

Mudanças no tamanho das mamas

Alteração no tamanho dos seios pode ser câncer de mama

O tamanho das mamas é muito importante para detectar a tempo o câncer. Notar que uma delas está inflamada ou com um tamanho diferente é um sinal que requer atenção imediata.

Secreção no mamilo

Algumas vezes, a secreção no mamilo não é um problema e desaparece sozinha depois de poucos dias.

No entanto, em muitos casos dessa doença foi reportado este aspecto como um dos sintomas, já que as mulheres diagnosticadas manifestaram ter uma secreção com odor forte em um ou nos dois mamilos.

Irregularidades

Notar alterações na forma ou textura da mama é outra maneira de detectar a tempo o câncer. As irregularidades no contorno, assim como a vermelhidão ou pequenos buracos na pele são sinais evidentes da doença.

Quais são os fatores de risco?

O câncer de mama afeta, em sua maioria, às mulheres, mas também pode se desenvolver nos homens. Seus principais fatores de risco incluem:

  • Ser mulher com mais de 55 anos
  • Ter antecedentes familiares de câncer de mama
  • Ter iniciado o ciclo menstrual antes dos 12 anos
  • Ter uma menopausa tardia ou precoce
  • Sofrer de obesidade
  • Não ter tido filhos