5 formas de combater o vazio emocional - Melhor Com Saúde

5 formas de combater o vazio emocional

Para combater o vazio emocional devemos aprender a nos amar acima de todas as coias e nos afastar daquilo que nos machuca. Viva e desfrute do presente
5 formas de combater o vazio emocional - Melhor Com Saúde

Poucos estados vitais são tão paralisantes quanto o vazio emocional. Apesar do “vazio” ser descrito como ausência de algo, no campo da psicologia esta dimensão se define pelo sofrimento, o mal-estar e a tristeza mais profunda. 

Mesmo que na hora de falar sobre vazio emocional sempre venha na mente um problema de relacionamento, falaremos de algo muito mais profundo.

A frustração pessoal, a dor de uma infância complicada, o fracasso ou mesmo o estresse e a ansiedade podem, sem dúvidas, configurar este estado. Esta insatisfação emocional nos desconecta por completo do nosso “eu”. 

A seguir explicaremos 5 modos de favorecer novamente esta união. Porque enquanto abraçarmos nossa essência, podemos curar o vazio emocional.

Você se anima a colocar isso em prática? Vale a pena.

1. Sem medo da solidão

O vazio emocional está muito relacionado com a sensação de solidão. Isso é tão sério que na maioria dos casos é o que mais machuca: se sentir sozinho, incompreendido e inclusive “excluído”.

Estes seriam alguns exemplos desta relação entre a sociedade e o vazio emocional:

  • Você tem um companheiro, mas esta relação oferece uma profunda sensação de solidão, incompreensão e infelicidade.
  • Você tem a sensação de que não tem o apoio de nenhuma das pessoas que o rodeia.
  • Nunca desfrutou de um vínculo forte e feliz com seus pais, com sua família.  

Muitas destas dinâmicas pessoais determinam, sem dúvidas, essa insatisfação onde a solidão se combina com a sensação de se sentir perdido.

  • Agora veja bem, uma forma de curar esta dor é se conectar novamente com nosso “eu”.
  • Entender que o amor de sua vida e sua melhor companhia devem ser sempre você mesmo. Ninguém merece tanto respeito, atenção, cuidado e afeto como aquele que oferece seu próprio coração.
  • Entenda que quem não aprende e desfruta da solidão buscará o que falta nos demais.

Mulher com flores sentindo vazio emocional

2. Deixar ir o que dói para curar o vazio emocional

Insistimos mais uma vez que o “vazio emocional” não é ausência de algo. É realmente uma ferida aberta, um peso que nos asfixia, uma cicatriz não curada.

  • Entenda que não falta nada, você já tem tudo. Você é uma pessoa completa que tem todas as estratégias para dar um passo a frente para seu bem-estar pessoal.

A única coisa que falta é saber se conectar com seu “eu” e, para consegui-lo, tem-se que saber escutar.

  • Identifique o que incomoda, o que machuca, o que traz infelicidades.
  • Tome consciência daquilo que não gosta de si mesmo (insegurança, medos, obsessões…).

E quando se conectar com estas partes mais escuras do seu “eu”, será o momento de dar o passo. Deixe ir o que dói, o que machuca e o que gera o vazio emocional.

Mulher triste por causa o vazio emocional

3. Apague o barulho mental

Seu “eu” está rodeado por um denso e complexo barulho mental que o impede de avançar. Coloca barreiras em sua liberdade, em sua essência autêntica.

  • O barulho mental são seus “eu não posso”, seus “agora eu não me atrevo” ou “se eu fizer isso decepcionará tais pessoas”…
  • Apague este barulho persistente habitado por espinhos e lamaçais e escolha você. Ser sua própria prioridade é um modo de recuperar sua liberdade, de encher com autoestima, com luz e segurança seu vazio emocional.

4. Você não precisa que ninguém plante flores em sua alma

Nós passamos metade da vida esperando que alguém encha nossos vazios. Queremos que alguém coloque flores em nossa alma e nos dê a mão, guiando-nos até a felicidade e o bem-estar.

Agora bem, esta imagem romântica é pouco adequada, pouco saudável. Ninguém está obrigado a encher nossos vazios nem se fazer de salvadores espontâneos. É você que tem que se salvar e cuidar de si mesmo.

O mais adequado é construir sua própria felicidade todos os dias de sua vida. Plante flores em sua própria alma, converta-se na pessoa que gostaria de encontrar. Porque é assim que evitará o vazio emocional.

Flores gigantes representando o fim do vazio emocional

5. Cuide do bem-estar físico

Sabemos que para estar bem temos que nos cuidar dos pensamentos e da atitude. Um pensamento positivo, realista e valente é a melhor estratégia para curar o vazio emocional.

Agora veja bem, além de cuidar da mente é necessário cuidar de nossa saúde, de nosso corpo, de nosso coração. Tome nota dos seguintes conselhos:

  • Durma pelo menos 8 horas diárias.
  • Siga os mesmos horários com relação à alimentação e descanso.
  • Beba líquidos abundantemente.
  • Caminhe durante meia hora por dia.
  • Pratique o relaxamento, faça ioga, caminhe por um espaço natural.
  • Consuma frutas e vegetais frescos.
  • Comece o dia com um copo de água morna com limão.
  • Sempre tome o café da manhã.
  • Coma em pequenas quantidades, mas cumpra as cinco refeições diárias.

Viva o presente com seus cinco sentidos, desfrute de cada refeição, de cada passeio. Não fique obcecado com o passado nem se angustie com o futuro. Ele ainda não existe.