5 formas de saber se você tem ciática - Melhor com Saúde

5 formas de saber se você tem ciática

Dado que alguns sintomas coincidem com outras doenças e podem, além disso, desaparecer com o tempo, é conveniente consultar um especialista para verificar se tem ciática e obter o tratamento mais adequado.
5 formas de saber se você tem ciática

Há doenças que podem ser determinadas facilmente. Há outras com sintomas que podem confundir, como a ciática.

Talvez uma dor na perna seja apenas cansaço, mas não deverá passar desapercebida, já que também pode ser um sintoma da ciática. Isso ajudará você a combater a doença.

Se sente dor atrás da perna, preocupe-se! Pode ser que pareça uma simples câimbra, mas também pode sentir adormecimento ou formigamento até o pé ou uma dor que se agrava quando tosse ou espirra.

Até agora parece que se trata de ciática, ou não?

A primeira coisa que deve saber é que a ciática não é uma doença, mas sim um problema de saúde. Além disso, ela não pode ser facilmente diagnosticada, a menos que o paciente apresente mais de 80% da dor em uma perna e nas costas.

Mas então, como saber se você tem ciática?

1. Joelhos frágeis

Homem com dor nos joelhos por causa de ciática

Trata-se de uma dor em apenas um dos joelhos, que se estende por toda a perna. Quando ocorre em ambas as pernas requer atenção médica imediata.

Pode precisar de cirurgia com caráter de urgência, mas comumente a dor afeta apenas uma perna. É sentida quando o nervo ciático é apertado.

Este nervo é o que compreende desde a espinha dorsal até o pé e quando ele é comprimido, causa a ciática. Isso acontece porque sua função é alterada. É então quando percebemos diferentes tipos de sensações indesejadas: dor, fraqueza e formigamento.

Por si só, a dor é muito comum. O alarmante ocorre quando a dor vem combinada com fraqueza. Ao identificar essa situação em apenas uma das pernas, é um sinal de alerta para os médicos. Assim, deve ser para você também.

2. Já não é possível correr

No caso dos atletas é difícil detectar se a dor em uma das pernas é sintoma de ciática. Isso acontece porque a ciática e a síndrome piriforme apresentam quase os mesmos sintomas. Porém, a segunda é mais comum do que a primeira.

Além disso, ambas provocam formigamento, dor, adormecimento que se estende pela perna. Também pode ser outra doença, por isso é recomendável procurar um médico imediatamente.

Não atender as advertências de seu corpo pode piorar a situação.

Ainda que exista a ideia de que os atletas são pessoas muito saudáveis, qualquer dor ou incômodo não pode passar despercebida. É melhor descartar qualquer trivialidade do que permanecer um bom tempo sem praticar suas atividades preferidas.

3. Dor

Dor na ciática

Já dissemos que a dor é muito comum. Ainda que também seja um sintoma muito importante da ciática. Porém, ao procurar o médico é preciso deixar claro e especificar a dor que sente.

Dizer apenas que sente dor não é o suficiente.

A dor pode indicar muitas coisas e não necessariamente que é ciática.

O doutor Jacob Teitelbaum (autor de obras como “Real Cause, Real Cure: The 9 root causes of the most common health problems and how to solve them” [Causa real, cura real: As 9 origens dos problemas de saúde mais comuns e como curá-los]) apresenta algumas técnicas chave para determinar se tem ciática:

  • Use o polegar e empurre os músculos da parte inferior das costas.
  • Encontre os pontos que causam a dor.
  • Se a dor sentida é como um pequeno empurrão que chega até os pés, é muito provável que se trate de ciática.

4. Passando este teste

Para testar, deite-se e estique os pés. Com a ajuda de outra pessoa, levante a perna, estendida, entre 30 e 70 graus. É seu acompanhante quem deve levantar sua perna, pois ele será seu examinador.

Se após realizar este teste você sentir dor em toda a perna, atrás do joelho e até nos dedos do pé, significa que tem ciática.

Nossa recomendação é que procure um especialista em terapia física ou um médico que realize um exame. Considere que fazer os movimentos de forma brusca ou incorreta pode agravar ou piorar os sintomas.

5. Algo mais está acontecendo

Dor na região lombar por ciática

Além da dor nas costas, no joelho e na perna, você pode saber se tem ciática se notar que há algo diferente em seu organismo. Talvez seu intestino e a bexiga estejam perdendo todo o controle de seus movimentos.

Segundo os médicos, isso poderia se tratar de uma emergência cirúrgica.

O porta-voz da Academia Americana de Cirurgiões Ortopédicos, Alan Hilibrand, afirma que essa situação não é comum.

Se você sente que a coluna vertebral exerce muita pressão no nervo, isso pode afetar a bexiga e o intestino, então consulte seu médico, já que esses danos podem se tornar permanentes.

A boa notícia: a ciática desaparece

A boa notícia é que a ciática desaparece sozinha em 80% dos casos. Ainda não foi determinado se é porque o disco se moveu novamente para seu lugar ou se o nervo deixa de sentir incômodo.

O que você pode fazer durante esse tempo é buscar meios para que a ciática não o incomode tanto, tomando, por exemplo, anti-inflamatórios e fazendo fisioterapia, como seu médico indicar.

Porém, lamentamos em dizer que os sintomas geralmente duram mais de 3 meses. Em todo caso, é sempre importante procurar um médico e seguir pontualmente todas as suas recomendações.

Inclusive se a dor desaparecer com o tempo.