6 das características mais marcantes de um grande amigo

6 características de um grande amigo

Ainda que possamos passar anos sem ter contato físico, um grande amigo é aquele que, quando volta a nos ver, parece que não passou tempo algum.
6 características marcantes de um grande amigo

Você considera que está cercado de boas companhias? Acredita que é um grande amigo? É inegável que todos necessitamos dessas pessoas que nos acompanham pelos caminhos da vida, mesmo que não estejam ao nosso lado fisicamente.

Elas também nos motivam a ser pessoas melhores e nos escutam quando precisamos falar.

Talvez, por tudo que um grande amigo representa em nossas vidas, sempre estamos à espera de que conheçamos mais um.

Hoje queremos falar sobre as suas características. Assim, você poderá analisar se você é um bom amigo, se realmente está dando o que está pedindo, e se os amigos que você tem também são grandes companhias.

Um grande amigo ouve sem julgar

amiga_consola_mulher_chorando_celular

As pessoas tendem a ajudar os outros compartilhando seus sentimentos e opiniões, muitas vezes, em excesso. Às vezes passamos um pouco da conta com as críticas.

O ego mal-administrado nos leva a julgar negativamente nossos amigos, familiares e companheiros.

Um grande amigo sabe que essas críticas mal-intencionadas fazem mal à pessoa que busca apoio e compreensão. Elas sabem que ouvir o outro é um ato de generosidade, e ainda que às vezes deem algum conselho, não esperam ser a influência final na vida de quem recorre a elas.

Um verdadeiro amigo ajuda e apoia sem esperar nada em troca. Lembre-se de que ouvir significa entender e compreender o contexto completo.

Ver também: Irmãos, os melhores amigos que não escolhemos

Não dá muita importância às discussões

Os amigos discutem. Não pense nem por um momento que um grande amigo é aquele que fica contente com suas atitudes sempre. Tampouco é aquele que vai felicitar você ainda que tenha feito algo errado.

Pelo contrário. Um bom amigo vai dar a sua opinião sincera. Se acredita que o outro fez algo de mal, vai dizer na sua frente e provavelmente isso lhes fará discutir um pouco.

Lembre-se de não cair no erro de julgar uma crítica construtiva, uma ideia ou opinião diferente da sua como ofensiva.

Discutir não é brigar. A verdade é que é um comportamento saudável e, muitas vezes, necessário em nossas relações pessoais.

Se é você quem está dizendo a um ente querido que está errado ou, pelo contrário, está recebendo a crítica, lembre-se de que não é nada pessoal. Como amigo, o mínimo que você pode fazer é ser tão sincero quanto for possível.

Preocupa-se com o outro

Em algum momento de sua vida, você já se fez a seguinte pergunta: será que meus amigos só aparecem quando precisam de mim? Quando começa a pensar dessa forma a respeito de algum de seus amigos, a confiança acaba e a relação fica comprometida.

Infelizmente, você se encontrará com pessoas que não são seus amigos de verdade e que só aparecerão para ir a festas ou para obter algo de você. É uma realidade que não necessariamente vai lhe agradar, mas que você deve entender.

Felizmente, também existe o outro lado. Ou seja, você encontrará algum grande amigo que estará sempre lá para você.

Referimo-nos a esses amigos que sempre o apoiarão e vão se alegrar ao vê-lo crescer. Talvez você não os veja durante muitos meses ou anos, mas no dia em que se encontrarem, será como se a distância nunca tivesse existido.

Está sempre presente

Nem as diferenças pessoais, nem as discussões, nem o tempo, nem a distância, afastam um grande amigo. Muito pelo contrário, ele trabalha para que as situações negativas não terminem a relação.

Vocês tiveram uma discussão muito forte? Ele tratará de procurá-lo e falar com você para solucionar tudo.

Foi estudar ou trabalhar em outro país? Não elimine toda a comunicação com as pessoas que você ama.

A amizade deve ser nutrida, precisa que cuidemos dela para que se mantenha forte. Por isso, é necessário estar presente e participar dos momentos importantes na vida do outro.

Celebre cada vitória de seus amigos sem sentir inveja nem ciúmes, sofra junto com ele suas derrotas e ofereça seu ombro nos momentos difíceis.

Às vezes a presença física é impossível, no entanto, um grande amigo encontra uma forma de estar na vida do outro.

Confia no outro

amigas_mulheres_abracadas

As fofocas e comentários mal-intencionados por parte de terceiros podem afetar qualquer amizade.

A diferença entre um grande amigo e um amigo temporário é que o primeiro sabe confiar. Ele entende que há pessoas mal-intencionadas que podem distorcer algumas ideias e não se deixa levar por esses comentários.

Se você deseja manter o vínculo, deve aprender a ouvir seus amigos. Se tiver uma dúvida, pergunte diretamente e sem rodeios.

Não fique pensando coisas, nem guarde segredos, caia em fofocas ou comentários negativos. Tampouco se afaste ao primeiro comentário que o outro fizer.

Seja aberto sobre o que está se passando em sua vida, e tente não manter segredos com seus amigos.

Recomendamos ler: Os amigos beneficiam seriamente a saúde

É fiel e sincero

Um grande amigo é fiel em qualquer circunstância, não fala mal para outras pessoas e não permite que falem mal de você.

Ele o defende quando considera necessário, mas também lhe dá espaço para que você mesmo solucione seus problemas.

Também não terá problema em lhe dizer que você está errando e exporá cada motivo de forma clara, mesmo que se sinta mal por isso.

Ou seja, deixará que você tome suas próprias decisões e que erre. Nesse caso, estará lá para lhe fazer companhia e ajudá-lo a enfrentar suas circunstâncias da melhor maneira, sem tentar resolver sua vida.