6 vitaminas para combater a inflamação - Melhor com Saúde

6 vitaminas para combater a inflamação

Uma dieta saudável, variada e equilibrada pode ser fundamental na hora de combater os processos inflamatórios, assim como uma alimentação pouco saudável pode proporcionar sua aparição.
6 vitaminas para combater a inflamação

A inflamação é a reação que se desencadeia em uma parte do organismo.

Ela se caracteriza pela vermelhidão, aumento de volume, dor e dificuldade de mobilidade, e surge como consequência da presença de micro-organismos, substâncias irritantes ou por um baque.

As vitaminas têm o poder de combater a inflamação no corpo porque são ricas em antioxidantesPor isso, é importante manter uma alimentação balanceada e completa.

Entre elas encontramos:

1. Vitamina A

A vitamina A é capaz de aliviar a dor nos músculos e nas articulações, além de ser necessária para manter visão e a pele saudáveis.

Também contribui para fortalecer o sistema imunológico. Outro dos benefícios da vitamina a é que ajuda no crescimento e cuidado do tecido muscular, assim como no metabolismo do osso.

Também foi comprovado que este nutriente regula os processos inflamatórios, pois ajuda a diminuir os níveis sistêmicos do mediador inflamatório conhecido como MCP-1.

Como obter a quantidade necessária de vitamina A?

Entre os alimentos que contêm esta vitamina estão:

  • A páprica;
  • A pimenta vermelha;
  • A batata;
  • As cenouras;
  • A alface.

Quer saber mais? Leia: 5 sintomas de deficiência de vitaminas que podem ser lidos em seu rosto

2. Vitamina E

Vitamina E para combater a inflamação

A vitamina E é um composto orgânico essencial para a saúde do corpo humano.

Devido ao fato de que o organismo não pode fabricá-la de forma natural, é necessário adicioná-la à dieta em boas quantidades. Recomenda-se consumir pelo menos 15 miligramas deste nutriente por dia no caso de adultos.

Segundo um estudo realizado em 2008, o consumo de vitamina E ajuda a reduzir os níveis de citoquinas, marcadores inflamatórios do corpo.

Como obter a quantidade necessária de vitamina E?

Para obter vitamina E de forma natural devemos aumentar o consumo de:

  • Oleaginosas (nozes, avelãs, etc);
  • Sementes de girassol;
  • Óleos vegetais;
  • Vegetais (espinafre, brócolis, tomate);
  • Frutas (manga, kiwi);

É uma boa ideia incluir estes alimentos quando sofremos alguma lesão ou algum tipo de inflamação.

3. Vitamina C

A vitamina C ajuda a aliviar a dor muscular e articular através da proteção e cura dos tecidos musculares.

Além disso, nos ajuda a:

  • Fortalecer o sistema imunológico;
  • Manter um desenvolvimento celular adequado que intervém na manutenção e reparo muscular.

Como obter a quantidade necessária de vitamina C?

A quantidade diária recomendada (CDR) de vitamina C é de 1 grama, que devemos complementar com 500 mg de flavonoides (antioxidantes naturais).

Para obter os flavonoides recomenda-se aumentar o consumo de:

  • Vegetais (alcachofras, espinafre, brócolis);
  • Frutas (maçãs, limão, romã, damasco, ameixas);
  • Chá verde;
  • Cacau.

Segundo várias pesquisas, um alto consumo de vitamina C ajuda a reduzir a quantidade de inflamação no corpo. A vitamina C pode ser encontrada em alimentos como:

  • Laranjas
  • Pimentões
  • Kiwi
  • Tomilho
  • Couve-flor
  • Pimenta
  • Goiaba

Veja também: 9 benefícios que você obtém ao comer maçã

4. Vitamina B

As vitaminas pertencentes ao complexo B, além de serem essenciais para manter uma pele saudável, regular o metabolismo e fortalecer o sistema imunológico, contribuem para reduzir a dor e inflamação a nível muscular e articular.

As vitaminas do complexo B se encarregam de manter o tônus muscular e reduzir a inflamação nas articulações.

Isto é muito útil em problemas crônicos como a artrite ou infecções agudas, tais como os diferentes tipos de vírus. É recomendável consumir, pelo menos, 50 mg de vitaminas do complexo B, dividido em 2 doses por dia.

Entre os alimentos que contêm estes nutrientes se encontram:

  • Os ovos;
  • As carnes magras;
  • O fígado;
  • Manteiga de amendoim;
  • Nozes;
  • Lentilhas.

5. Vitamina D

Vitamina D para combater a inflamação

A vitamina D é um esteroide solúvel e natural fabricado por nosso organismo a partir da luz solar. Assim, as pessoas expostas a uma quantidade normal de sol por dia não precisam de suplementos adicionais.

A vitamina D é um elemento útil para combater a inflamação, principalmente em pessoas que sofrem de câncer.

Além de com luz solar, a vitamina D pode ser obtida ao consumir:

  • Peixe;
  • Ostras;
  • Presunto;
  • Tofu
  • Laticínios.

Visite este artigo: Os benefícios do óleo de peixe para a saúde

6. Vitamina K

A vitamina K previne a inflamação ao inibir os marcadores pró-inflamatórios produzidos pelos glóbulos brancos, denominados monócitos.

Em níveis altos, a vitamina K nos ajuda a melhorar a saúde cardiovascular e óssea.

Além disso, reduz a calcificação e a rigidez do tecido vascular, por isso minimiza a incidência de infartos. A vitamina K está presente principalmente nos vegetais:

  • Espinafre;
  • Folhas de nabo;
  • Acelga;
  • Salsa;
  • Alface romana;
  • Brócolis;
  • Couve-flor.

Assegure-se de consumir vitaminas para combater a inflamação

Seguir uma dieta variada é a melhor forma de proporcionar ao organismo os nutrientes necessários para estar bem.

Além disso, e segundo você vai ver, combater a inflamação pode ser bem agradável e simples, pois a lista de opções é ampla. Procure incluir alimentos de todos os tipos em cada refeição.

Recomendamos também manter um estilo de vida saudável para que a inflamação tenha menos oportunidade de surgir. Não se esqueça do exercício.