7 motivos pelos quais deveríamos comer sementes de uva

7 motivos pelos quais deveríamos comer sementes de uva

Por serem ricas em antioxidantes, as sementes de uva podem nos ajudar a combater o dano celular e a prevenir o desenvolvimento de diferentes tipos de câncer, como o de mama, pele ou próstata.
Por que devemos comer sementes de uva

A maioria das pessoas que consomem uvas como parte da sua alimentação regular comete o erro de retirar as pequenas sementes que existem em seu interior e que não têm um sabor tão agradável quanto o da sua polpa.

A verdade é que, hoje em dia, sabemos que é justamente nas sementes que nós desperdiçamos onde está a maior quantidade de propriedades, pois é nela que está concentrada uma boa parte dos nutrientes.

Atualmente muitas empresas da indústria de cosméticos e a medicina estão utilizando esta pequena semente para a elaboração de diversos remédios naturais que podem prevenir e tratar diferentes doenças.

No entanto, também é recomendado o seu consumo em seu estado natural, já que apesar do seu sabor amargo,  ela pode oferecer ao organismo importantes benefícios para melhorar cada uma das suas funções.

Para todos aqueles que ainda continuam jogando fora esta importante parte das uvas, hoje queremos compartilhar 7 razões para começar a consumi-las. É surpreendente.

  1. Ricas em antioxidantes

As sementes de uva são ricas em compostos conhecidos como fenólicos, tocoferol e proantocianidinas cuja ação antioxidante tem a capacidade de proteger o organismo do dano oxidativo causado pelas moléculas dos radicais livres.

Elas também nos oferecem uma quantidade significativa de vitamina C e betacaroteno, famosa por contrabalancear uma grande quantidade de efeitos externos negativos que influenciam de forma direta o nosso estado de saúde.

  1. Ajudam a depurar o sangue

Sangue

Graças à sua riqueza nutricional e elevado teor de compostos antioxidantes, estas sementes de uva também poderiam ajudar a depurar o sangue para eliminar os resíduos restantes dos medicamentos e outros elementos nocivos que podem se acumular na corrente sanguínea.

Por este motivo, elas são muito apropriadas para aqueles que sofrem ou têm o risco de padecer de alguma condição cardíaca, pois, entre outras coisas, as sementes de uva estimulam a circulação sanguínea e evitam a formação de trombos.

  1. Podem prevenir o câncer

Devido ao seu elevado teor de antioxidantes, não é estranho que estas sementes estejam dentro do catálogo de alimentos anticancerígenos contra o câncer de mama, de pele e de próstata.

A ação das sementes de uva contra os radicais livres poderia deter o dano celular, que é uma das causas que fazem com que aumente o risco de desenvolver esta doença.

  1. Diminui os efeitos nocivos do tabaco

Fumar

Tanto os fumantes quanto os fumantes passivos se beneficiam dos nutrientes das sementes de uva para reduzir os impactos nocivos que os compostos tóxicos presentes no cigarro podem causar.

Por serem capazes de depurar o sangue, grande parte dos resíduos é eliminada e isso gera um efeito protetor no corpo.

  1. São antibacterianas e anti-inflamatórias

Conta com propriedades antibacterianas que poderiam ajudar a inibir o crescimento microbiano para prevenir e tratar diferentes tipos de infecções.

Somado a isso, elas também contam com um efeito anti-inflamatório que poderia diminuir os processos inflamatórios do organismo para agir de forma positiva no tratamento de transtornos de saúde como:

  • A artrite
  • A dermatite
  • Retenção de líquidos
  • A colite
  • A sinusite
  • Infecção urinária
  1. Previne o envelhecimento precoce

envelhecimento

Um dos principais benefícios que elas nos oferecem é atribuído aos antioxidantes OPC, cuja ação inibe a atividade de moléculas malignas, evitando o envelhecimento precoce da pele e dos órgãos, tecidos e células.

Devido a este benefício, a ingestão regular das sementes de uva representa uma forma de conservar o corpo jovem e livre de rugas, bem como uma maneira de evitar que a pele fique com uma aparência envelhecida antes do tempo.

  1. Protege os pulmões

Por suas propriedades antibacterianas, anti-histamínicas e antialérgicas, elas protegem e fortalecem os pulmões para prevenir possíveis infecções e outras doenças que prejudicam o seu funcionamento.

Além disso, graças à sua capacidade de reforçar o sistema imunológico, elas reduzem o risco de contrair gripes, resfriados e outras condições associadas ao sistema respiratório.

Como consumi-las?

sementes-de-uva-verde

Estas sementes podem ser consumidas em seu estado natural, ou seja, com a uva inteira. No entanto, em diferentes lojas de produtos naturais e de ervas podemos encontrá-las em forma de extrato ou em cápsulas para incluí-las com mais regularidade à dieta.

A dose máxima é de 300 mg por dia, ainda que, se forem consumidas em sua forma natural, podemos ingerir quanto quisermos.

Uma boa ideia é aproveitá-las para a elaboração de:

  • Vitaminas
  • Sopas
  • Drinques
  • Sobremesas

Por que você não experimenta? Apesar do seu sabor não ser o mais agradável, ele certamente não é insuportável. Sendo conscientes de todos os benefícios que elas podem oferecer ao nosso corpo, vale a pena começar a aproveitar as suas propriedades.