7 sintomas da endometriose que você não conhecia

7 sintomas da endometriose que você não conhecia

É fundamental aprender a identificar os sintomas da endometriose para obter um diagnóstico precoce e não sofrer maiores complicações, que podem chegar a comprometer nossa saúde em geral.

A endometriose aparece em mulheres em período reprodutivo e pode surgir após as primeiras menstruações. Os sinais mais fortes aparecem entre os 25 e 35 anos. Essa doença não tem cura definitiva, mas existem tratamentos que podem melhorar a sua qualidade de vida.

Os exercícios físicos e uma alimentação saudável são fundamentais para aumentar a eficácia do tratamento médico.

Além do crescimento e aparição do tecido endometrial no sistema reprodutor feminino e arredores, há outros sintomas da endometriose que podem indicar que é hora de consultar seu ginecologista.

Cólicas menstruais muito intensas

Em muitos casos, a dor menstrual mais forte que o normal é um dos primeiros sintomas da endometriose.

Você deve lembrar que essa doença consiste na presença de células que compõem uma camada interna do útero, chamada endométrio, em locais inapropriados. O problema ocorre quando o endométrio se apresenta fora do útero: nas trompas, ovários, na bexiga ou intestino.

Quando a mulher menstrua, essa camada interna do útero se desprende, sangra e é eliminada pelo canal vaginal. Assim, nas mulheres com endometriose, durante o período de menstruação existe o sangramento e uma inflamação nesses outros órgãos, o que gera ainda mais dor.

Às vezes o surgimento das cólicas não tem motivo real aparente. Com certeza você sabe que essa dor é um sintoma natural na vida da mulher. Por isso, precisa estar atenta se passar por um período mais doloroso que o habitual.

Descreva o que você sente para o seu ginecologista para que analise as causas e oriente-a sobre o melhor tratamento a seguir.

Quer saber mais? Leia: Quer melhorar sua saúde? Comece pelos intestinos

Dores durante a relação sexual

sexo_doloroso

Já que a endometriose pode afetar vários órgãos da região pélvica, o contato sexual com a região inflamada provoca dor. São poucas as mulheres que conhecem esse sintomas e acreditam que algo mais está errado quando sentem dor.

Você sempre deve lembrar que as relações sexuais devem dar-lhe prazer e nada mais. Se há dor, é porque algo não está bem. São muitas as que desconfiam desse sintoma e poucas as que atribuem à endometriose as dores durante o sexo.

Mas como saber se está realmente relacionada a essa doença? Será um dos sintomas da endometriose? E será que essa dor que sinto é algo normal?

Você deve saber que entre as características da dor causada pela endometriose estão:

  • Trata-se de uma dor cíclica
  • É de forte intensidade.
  • Aumenta progressivamente
  • Está associada à dor que você sente durante o período menstrual
  • Não apresenta melhora com analgésicos comuns

Infertilidade

Outro dos sintomas da endometriose que com certeza você desconhece é a dificuldade para engravidar. Muitas mulheres que apresentam infertilidade têm esse inconveniente associado a ela. Essa correlação pode ser explicada pela obstrução causada pela endometriose.

A inflamação crônica da pélvis pode impedir a implantação do embrião no útero. A boa notícia é que, no caso de você apresentar esse problema, sua fertilidade pode ser restabelecida com o tratamento adequado.

Você precisará de paciência e de um controle bem preciso. Deve consultar seu ginecologista e seguir cada instrução que ele dê sobre medicamentos e períodos em que deve tomá-los.

Alterações e dor no intestino durante a menstruação

colica_menstrual

Como os intestinos se encontram localizados na região pélvica, eles também são afetados pela endometriose.

No período menstrual, as lesões causadas pela endometriose nos intestinos provocam dor e inflamação intestinal, além de sintomas associados como:

  • Gases
  • Inchaço
  • Flatulência
  • Cólicas intestinais de forte intensidade
  • Sangue nas fezes
  • Nos casos mais graves, obstrução intestinal

No caso de notar qualquer um desses sintomas, consulte um clínico-geral. Ele vai solicitar alguns exames que permitirão identificar os possíveis problemas e a encaminhará ao especialista mais adequado.

Dor ao urinar

Assim como os intestinos, a bexiga também se encontra na região afetada pela endometriose e pode sofrer as mesmas alterações quando sua menstruação desce. Você pode sentir mais dor ao urinar, e inclusive pode apresentar sangue na urina.

Nos casos mais graves a endometriose pode comprometer os ureteres, as estruturas que transportam a urina dos rins para a bexiga, e pode chegar a causar complicações nos rins também.

Dor pélvica crônica

dor_pelvica_cronica

Os sintomas da endometriose podem afetar vários órgãos da pélvis e desenvolver-se ao longo de muitos anos. Com o passar do tempo, você pode passar a sentir uma dor contínua, independentemente da menstruação.

Essa dor é chamada de dor pélvica crônica e tem um grande impacto na qualidade de vida dessas mulheres, já que interfere nas suas atividades profissionais, pessoais e sexuais.

Não se esqueça de ler: Resolva o sufoco da menstruação irregular

Preste atenção nos sintomas da endometriose

Para concluir, não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje. Se apresentar algum desses sintomas da endometriose, confie nas suas suspeitas e procure tratamento.

Pense que, se você deixar o tempo passar, poderá encontrar situações incômodas em sua vida diária.

Além disso, sua saúde futura pode se comprometer se você não prestar atenção nas mensagens que o seu corpo lhe envia. Não se conforme com apenas tratar a dor inicial ou os primeiros incômodos. O melhor é atacar o problema real desde o início e evitar seu desenvolvimento.