9 alimentos que não precisam de refrigeração

9 alimentos que não precisam de refrigeração para se conservar

Ao colocar certos alimentos na geladeira é provável que eles mudem sua textura e que percam seu sabor original, por isso convém armazená-los à temperatura ambiente.
9 alimentos que não precisam de refrigeração para se conservar

Não podemos negar que a geladeira é um dos eletrodomésticos que mais utilizamos no nosso lar, sendo uma grande ferramenta para estender a vida útil de diversos alimentos.

Ao saber que as baixas temperaturas podem inibir o crescimento bacteriano que acelera o processo de decomposição das comidas, todos nós optamos por armazenar quase todas as provisões que compramos no mercado para nos alimentar no correr da semana ou do mês.

O que vamos esclarecer agora é que estamos cometendo um erro ao conservar todo tipo de alimentos dentro da geladeira. A verdade é que há algumas comidas que não devem ser submetidas a baixas temperaturas porque podem se estragar com mais  facilidade pela umidade e o frio que envolve essa técnica de conservação.

Saber como armazenar de forma adequada as frutas, verduras e outros produtos nos traz muitos benefícios. Agora iremos revelar os 9 alimentos que não deveriam ser guardados na geladeira.

1. Batatas

Conservar-batatas

Quando submetidas a temperaturas muito baixas, os amidos que as batatas contêm se convertem em açúcar e alteram seu sabor.

A melhor forma das batatas se conservarem em perfeito estado é dentro de um saco de papel em um armário, ou, em uma gaveta escura e fresca.

Recomendamos ler: Usos do café como tratamento de beleza

2. Tomates

Os tomates não precisam de nenhum tipo de refrigeração… Adoram a temperatura ambiente!
Quando eles são colocados na geladeira, o frio está acostumado a alterar seu sabor e sua textura e, além disso, se estiverem muito verdes, seu processo de maturação se torna mais lento.

Para que isso não aconteça, os tomates devem ser colocados em um lugar fresco e seco, afastado da luz solar. Por ser uma fruta que amadurece rapidamente, o ideal é comprar pequenas quantidades para consumi-los em pouco tempo.

3. Manjericão

Como o alimento anterior, o manjericão também se conserva melhor longe do frio. Dentro da geladeira costuma se murchar rapidamente e perde seu agradável sabor.

Um truque para armazenar por mais tempo esta erva consiste em introduzi-la dentro de um saco plástico com pequenos buracos que permitam se oxigenar.

4. Cebola

Conservar-a-cebola

Esta hortaliça não precisa de refrigeração e o melhor é mantê-la em um lugar fresco e seco para que dure fresca vários dias.

Por ser um alimento que se extrai da terra, o ambiente da geladeira é agressivo e acelera o processo de maturação da cebola. Uma dica simples é introduzi-la em sacos de papel e conservá-la em um armário ou gaveta fresca e escura.

5. Abacate

A maioria dos abacates que são vendidos no mercado está dura e precisa de uns dias ao calor para chegar à maturidade. Uma forma fácil de fazer isso é enrolando-os em jornal e colocando-os em um lugar quente da cozinha.

Os abacates só devem ir para a geladeira depois de parti-los ou preparados com molho, mas é importante saber que as baixas temperaturas modificam um pouco seu sabor. O melhor é consumi-los imediatamente.

6. Banana

Quando colocamos uma banana dentro da geladeira, o frio inibe sua maturação e pode gerar uma mudança em seu sabor e textura.  E além do mais, quando ficam durante muito tempo, a casca adquire uma cor escura pouco agradável.

7. Mel

Conservar-mel

Cuidado para não estragá-lo! Esse alimento tem muitas propriedades conservantes que não precisam de temperaturas frias para mantê-lo em bom estado.

De fato, quando fica muitos dias na geladeira, o mel quase sempre cristaliza e perde a textura líquida que permite incorporá-lo como facilidade em muitos pratos.

8. Café

Para manter o delicioso sabor e aroma torrado do café, ele sempre deve permanecer em um lugar fresco, seco e afastado das baixas temperaturas.

Veja também: 7 motivos para tomar café

9. Melão

No mercado, em geral, os melões não estão dentro da geladeira, quase sempre separados em cestos em um lugar fresco e seco.

Isso se deve a que as baixas temperaturas tendem a tornar os melões um tanto farinhentos e com um sabor mais insípido. Portanto, ao levá-los para casa, eles devem ser armazenados de igual maneira.

Aprender do erro!

Conservar-alimentos

Depois de conhecer esses alimentos que se conservam em melhores condições fora da geladeira, a partir de agora é bom colocá-los em um lugar adequado.

Organizando-os bem não só se poderá prolongar sua vida útil, mas sim, ajudar a evitar desperdícios e perda de dinheiro.