9 ervas e especiarias ideais para limpar o sangue naturalmente

9 ervas e especiarias para limpar o sangue

Para limpar o sangue podemos incluir em nossa dieta alimentos que possuem propriedades depurativas. As especiarias e as ervas são uma forma rápida, simples e efetiva de conseguir isso.
9 ervas e especiarias ideais para limpar o sangue naturalmente

Alguma vez você já pensou no quão importante é limpar o sangue?

O sangue é responsável por transportar os elementos necessários que permitam que as células realizem suas funções:

  • Respiratórias: transporta oxigênio e recolhe gás carbônico, gerando a combustão, eliminando-o através dos pulmões.
  • Imunológicas: protege o organismo com os glóbulos brancos e os anticorpos do plasma.
  • Excretoras: recolhe os resíduos e rejeitos e os elimina.
  • Transportadoras: de proteínas, gorduras, carboidratos e hormônios, etc.
  • Reguladoras: mantém a água e os íons do organismo em equilíbrio, assim como a temperatura corporal.

Graças a todas as suas virtudes e funções, é muito importante que ajudemos nosso corpo a manter o sangue limpo.

A acumulação de toxinas pode ocorrer devido a:

  • Pouca atividade física;
  • Alimentação rica em produtos de origem animal;
  • Falta de alimentos saudáveis.

Quando não tomamos o tempo necessário para limpar o sangue, os hábitos ruins podem se traduzir em problemas como ataques cardíacos ou câncer.

A seguir listamos algumas ervas e especiarias para limpar o sangue de forma saudável e natural. Você não vai perder estas dicas, vai?

1. Alho para limpar o sangue

alho

A primeira das especiarias para limpar o sangue é o alho. Ele previne a hipertensão e a má circulação, já que diminui o colesterol ruim (LDL) que se encontra no sangue.

Protege as artérias, especialmente a aorta, as coronárias e as cerebrais, permitindo o fluxo rico e constante nos órgãos do corpo.

Além disso é rico em compostos sulfurosos (alicina), indispensáveis para eliminar as toxinas que se encontram no sangue e ajudar seu intestino a se desfazer dos micro-organismos prejudiciais.

Para aumentar seu consumo, mastigue dois dentes de alho pela manhã ou inclua-o em sua alimentação.

Veja também: Os incríveis benefícios do alho com mel em jejum

2. Dente de leão

O dente de leão tem uma grande quantidade de antioxidantes e múltiplos nutrientes que limpam o trato digestivo das toxinas.

Também ajuda no tratamento de doenças do fígado e elimina as toxinas do sangue.

Esta planta cresce naturalmente na beira de campos e jardins e se caracteriza por suas folhas dentilhadas e sua flor amarela.

  • Outra maneira mais fácil de consumi-la é em uma infusão, fervendo suas folhas e bebendo como qualquer outro chá.
  • Esta infusão também pode ser tomada como substituta da cafeína. Podemos consumir até 3 xícaras por dia.

3. Cúrcuma

Esta raiz provém da Índia e é conhecida e usada há séculos. Ainda que costume ser usada para adicionar sabor aos pratos, também convém conhecer suas propriedades medicinais.

Uma de suas maiores atribuições é contra o câncer, já que ajuda a restaurar o dano no DNA e alivia a inflamação crônica.

Além disso, a cúrcuma é anti-inflamatória e ajuda a evitar doenças no coração como os coágulos no sangue.

Também reduz a acumulação da placa nas artérias e os níveis de colesterol ruim (LDL).

4. Manjericão

manjericao

O manjericão ajuda o fígado e os rins a eliminar as toxinas acumuladas no corpo. Isto mantém os problemas digestivos e infecções afastados.

Além disso, funciona como um diurético para eliminar todas as toxinas que alojamos na corrente sanguínea.

5. Coentro

O coentro é uma das ervas que ajuda a limpar o sangue e eliminar o mercúrio e qualquer outro mineral daninho da corrente sanguínea.

O excesso de mercúrio no corpo é mais comum do que se possa imaginar, já que pode ser encontrado em aspectos que vão desde preenchimentos dentais metálicos até o consumo excessivo de certas espécies de peixes.

6. Cardo de leite

As sementes do cardo de leite são usadas no mundo da medicina por seus flavonoides. Eles ajudam a reparar as células danificadas e proteger as células novas.

Além disso, favorecem a produção de enzimas vitais para facilitar a eliminação das toxinas.

7. Urtiga

urtiga

As folhas de urtiga são boas para limpar o sangue graças aos seus ingredientes ativos como a histamina e o ácido fórmico.

A urtiga é hemostática, o que significa que tem a capacidade de deter as hemorragias e é adequada para combater a metrorragia.

  • A urtiga também ajuda a controlar a hemofilia, a dismenorreia, a hemoptise e os transtornos causados pela menopausa.

Para combater estes problemas, beba uma colher de sopa de suco de urtiga fresca. Se tiver uma hemorragia nasal, embeba um algodão com esse suco e introduza-o no nariz.

8. Nim

Os ativos antioxidantes do nim (Azadirachta indica) fazem com que as toxinas, os radicais livres e as bactérias saiam do fígado e do sangue.

Para obter estes efeitos, beba chá de nim uma vez por dia. Você pode adicionar mel se achar que é muito amargo.

Veja também: 9 sinais de um acúmulo de toxinas no fígado

9. Cuscuta

A cuscuta é uma trepadeira parasita que tem um alto nível de flavonoides. Contém um potente desintoxicante que ajuda a eliminar o excesso de toxinas do fígado.

Esta planta também é muito efetiva para limpar o sangue graças aos seus micro-organismos, e ajuda a manter a pele saudável.