Sinais de câncer de pulmão que você deve conhecer

9 sinais de câncer de pulmão que você deve conhecer

É importante dar atenção aos distúrbios pulmonares que, embora possam se dever a problemas específicos, no caso indicarem câncer, o diagnóstico precoce é fundamental.
Sinais de câncer de pulmão que você deve conhecer

O câncer de pulmão é um dos tumores mais comuns,  tanto em homens como em mulheres; de fato, segundo revelam as taxas a nível mundial, é o mais mortífero, ultrapassando os cânceres de mama, cólon e próstata.

Os pulmões estão localizados no tórax. Ao respirar, o ar atravessa o nariz, desce pela traqueia e chega até estes órgãos, onde flui através de uns tubos chamados brônquios.

Quando as células que revestem os brônquios sofrem alterações ou danos devido a agentes como as toxinas ou os radicais livres, pode se originar câncer e outras doenças crônicas.

Este tipo de câncer é muito comum em pessoas mais velhas e tem uma menor incidência naqueles que têm menos de 45 anos.

 A maioria dos casos apresenta algum tipo de relação com o fumo ou consumo de tabaco, ainda que esta não seja a sua única causa.

Como ocorre com quase todas as formas desta doença, seus sintomas nas primeiras etapas podem passar desapercebidosVeja aqui 9 sinais de câncer de pulmão que você deve conhecer

 Contudo, existem vários sinais que podem ajudar a ativar os alertas para que se possa receber um diagnóstico precoce  desta doença. Preparado para conhecê-los?

1.Tosse persistenteTosse-e-cancer-de-pulmao

A tosse é um sintoma comum da gripe e dos resfriados, e tende a desaparecer depois de uma ou duas semanas.

Quem fuma costuma ter tosse com mais frequência, devido aos malefícios que o cigarro provoca nos pulmões.

Contudo, quando o câncer de pulmão começa a se desenvolver,  é mais provável que a tosse aumente e que se torne em algo mais crônico.

Consulte de imediato o médico se:

  • A tosse for muito frequente.
  • Apresentar rouquidão.
  • Vier acompanhada de sangue.
  • Contém mais muco que o normal.

Não se esqueça de ler:  Mel e cebolas: remédio para a tosse que age de forma instantânea

2. Fadiga

A sensação frequente de cansaço ou fadiga é um dos sintomas de câncer mais comuns, especialmente, no caso do câncer de pulmão.

Isso ocorre quando se estreitam as vias respiratórias devido ao avanço de células cancerosas ou porque o líquido fica acumulado no peito.

3. Dor nos ossos e no peitoDor-no-peito-e-cancer-de-pulmao

Sentir dor no peito, nos ombros ou na zona lombar sem uma razão aparente também pode servir como sinal de alerta.

É muito provável que o câncer de pulmão tenha se propagado até aos ossos, gerando dor no local afetado.

Por essa razão, é vital por atenção a estes sinais persistentes e consultar de imediato um especialista.

4. Chiado no peito

Um tipo de assobio sentido no peito é normal em doenças respiratórias como a asma, as alergias ou os resfriados.

Contudo, se isso ocorrer de repente e sua origem não tiver tais razões, significa que algo estranho está acontecendo.

5. Mudanças na voz

As pessoas que desenvolvem esta doença costumam apresentar mudanças evidentes na voz como, por exemplo, a rouquidão.

Ainda que este sintoma possa ser momentâneo, devido a um resfriado, é importante considerar a ronquidão como um sinal de alerta quando não desaparece com o  passar dos dias.

6. Infeções respiratóriasInfeccão-e-cancer-de-pulmao

Em um mundo tão contaminado e com um ar tão impuro, como aquele em que vivemos, já é comum que as infeções respiratórias afetem as pessoas com frequência.

Contudo, sofrer muitas vezes de problemas como bronquite ou pneumonia é um sinal que não se deve ignorar de forma alguma.

7. Perda inexplicável de peso

A perda de peso é comum em todos os tipos de câncer e, geralmente, vem acompanhado de outros sintomas como a perda de apetite, fadiga e debilidade.

No começo, a pessoa até pode se sentir contente por estar perdendo uns quilos rapidamente, contudo quando isso se torna exagerado é preocupante.

Quer saber mais? Leia: Como tratar a fraqueza e o cansaço ao acordar?

8. Dificuldade para respirar

A dispneia ou dificuldade para respirar envolve uma sensação incômoda de não estar recebendo ar suficiente para respirar com normalidade.

Mas algumas pessoas podem ter este sintoma depois de fazer algum tipo de atividade física extenuante, e isso não quer dizer que tenham esta doença.

Muitas vezes, isso alerta para uma cardiopatia, um problema que dificulta o trabalho do coração de bombear o sangue e fornecer oxigênio ao corpo.

Contudo, quem sofre de alguma patologia pulmonar ou das vias respiratórias também pode sofré-lo.

9. FebreFebre--e-cancer-de-pulmao

Este sinal é comum em pessoas que têm câncer ainda que, geralmente, apareça quando já tenha sido diagnosticado e tenha avançado para etapas mais graves.

Costuma ocorrer quando a doença ou algum de seus medicamentos debilitam o sistema imunológico.