A cerveja engorda? Qual é a forma mais adequada de consumi-la?

A cerveja engorda? Qual é a forma mais adequada de consumi-la?

Apesar de sua má fama, a cerveja tem poucas calorias e gorduras naturais. Ainda que pareça mentira, os refrigerantes de cola ou com gás que costumamos tomar são muito mais calóricos.

Quem não gosta de degustar uma cerveja bem gelada no verão? Em algumas ocasiões não deixamos de consumir a bebida com um pouco de peso na consciência. Será que ao tomar esse copo vou engordar? Será ruim para minha dieta? Essas são algumas das perguntas mais comuns na hora de decidir se tomarmos uma cerveja acompanhada de alguma refeição ou não.


Nesse artigo falaremos sobre isso, esperando que nossas informações ajudem a tranquilizar os apreciadores da cerveja. Enquanto isso, adiantamos uma boa notícia: a cerveja não engorda sempre que consumida com moderação. Confira nosso artigo e fique por dentro!

1. Quem está fazendo dieta pode tomar cerveja?

Cerveja1

A cerveja é a opção escolhida em muitas de nossas reuniões com familiares ou amigos. Geralmente seu consumo diário não é habitual, assim, ela é a escolha certa em momentos mais festivos e descontraídos.

Essa bebida milenar e de atrativos tons de âmbar é preparada à base de cevada e de outros cereais. Como sabemos, ela contém um nível determinado de álcool, por isso sempre deve ser consumida com moderação. Mas, o que acontece se tomarmos, por exemplo, todo fim de semana? É possível ter esse capricho sem engordar? Explicamos:

  • A cerveja tem, em geral, poucas calorias e gorduras saturadas. A quantidade exata é de 43 calorias para cada 100 ml. Assim, se tomarmos um copo de 250 ml obteremos apenas 90 calorias.
  • O que isso significa? Que podemos consumi-la, porém, com moderação. Considere que, em ocasiões, consumimos muito refrigerante à base de cola ou com gás que contêm mais calorias do que a própria cerveja.
  • Os nutricionistas nos dizem que o mais adequado é consumir cerveja de forma prudente. Se você se enquadrar no grupo de pessoas que tem verdadeira paixão por essa bebida e gosta de tomá-la diariamente, procure beber um pouco menos do que um copo, ou seja, aproximadamente 200 ml. Já sabemos que para cada copo consumimos 90 calorias, assim, tente eliminar essas calorias com um pouco de exercício ou caminhadas. Devido ao seu nível calórico e ao álcool que contém, o melhor é não nos excedermos, apesar do fato de que podemos incluí-la em nossos momentos festivos.
  • Além disso, tenha em mente que a cerveja mais saudável é aquela fabricada de forma mais natural e tradicional.  Se você se perguntar que tipo de cerveja é a mais saudável, gostará de saber que é a cerveja preta, preparada à base de malta e lúpulo e que é rica em ferro.

2. Quais são os benefícios que a cerveja nos oferece?

cervejas-500x312

1. A cerveja nos protege frente aos cálculos renais

Não devemos nos esquecer de um dos grandes benefícios da cerveja: é muito diurética! Um consumo moderado nos protegerá em 40% de sofrer problemas renais e cálculos.

2. A cerveja melhora a digestão

Você sabe que tipo de cerveja pode nos ajudar a fazer melhor a digestão? A cerveja preta. Além de conter mais ferro, dispõe de mais fibras e, portanto, melhora nosso trânsito intestinal, evitando problemas gástricos e intestinais. Não é maravilhoso?

3. A cerveja combate o colesterol ruim

Colesterol1-500x325

Como muitos já sabem, a cerveja é rica em fibras. São essas fibras que nos permitem manter o LDL (colesterol prejudicial) em um nível seguro.

4. A cerveja é rica em vitaminas do grupo B (B1, B2, B6 e B12)

Quem toma cerveja de forma regular e equilibrada obtém quase que 30% a mais de vitaminas do complexo B do que pessoas que não a consomem. Essas vitaminas nos permitem dispor de mais energia, fortalecem nossos ossos e músculos e, além disso, nos ajudam a metabolizar melhor os glóbulos vermelhos.

5. A cerveja melhora a saúde de nossos ossos

O consumo de cerveja nos ajudar a manter um bom nível de silício no organismo, o que favorece a saúde e a densidade mineral óssea.

6. A cerveja nos permite dormir melhor

Como-saber-se-preciso-dormir-mais

Você sabe onde está o segredo? No nível adequado de ácido nicotínico e lactoflavina dessa bebida. São compostos estupendos para favorecer o sono!

7. A cerveja impede a formação de coágulos no sangue

A cerveja favorece a circulação correta do sangue, nos permitindo evitar a formação de coágulos.

8. A cerveja reforça nosso sistema imunológico

Essa bebida é rica em vitaminas e antioxidantes, maravilhosos para reforçar nossas defesas. Se a tomamos de forma moderada, dois ou três copos por semana, por exemplo, evitamos muitos resfriados, dores musculares ou articulares e melhoramos também nossa saúde cardíaca. Não é incrível?

3. O que é mais benéfico? A cerveja ou o vinho tinto?

Marinar-com-cerveja-ou-vinho-500x242

Os nutricionistas nos indicam que ambas as bebidas são adequadas, sempre que consumidas com moderação. Ou seja, jamais devemos consumir mais de um copo por dia. Note algumas das diferenças entre as duas bebidas e faça sua própria escolha:

  • O vinho: tomar uma taça de vinho tinto por dia nos oferece maiores benefícios cardiovasculares do que tomar cerveja. Além disso, o vinho dispõe de mais antioxidantes, tais como os polifenois. Também tem maiores níveis de potássio e magnésio.
  • A cerveja: tem mais vitaminas do complexo B, mais nutrientes e fibra solúvel do que o vinho. Também devemos considerar que dispõe de menos álcool.

 

Assim, a escolha dependerá do gosto de cada um. Ao longo da semana podemos combinar o consumo das bebidas com o que comemos ou de acordo com o lugar que frequentamos, mas devemos sempre nos lembrar de beber com moderação!