Acabe com a ansiedade - Melhor com saúde

Acabe com a ansiedade

Quem nunca sofreu com os sintomas da ansiedade? E eles são dos mais variados: angústia, sensação de que algo ruim vai acontecer, desconforto, forte insegurança, apreensão e medo.

Atualmente há muitos medicamentos que ajudam no tratamento da ansiedade, mas o que a maioria das pessoas que sofrem desse mal não sabem, é que com dicas naturais é possível melhorar a ansiedade.

Dicas naturais

Pratique exercícios físicos

Uma grande aliada no tratamento da ansiedade é a prática do exercício físico. Quando nos exercitamos, liberamos uma importante substância, a serotonina, responsável pela sensação de prazer.

Claro que o sucesso desta prática está diretamente relacionado com a disposição de cada pessoa. Afinal, nem todo mundo gosta de praticar exercícios e para alguns, é um verdadeiro martírio.

Uma boa dica, e nada sacrificante, é caminhar pelo menos três vezes por semana. Meia hora de caminhada já é suficiente para o tratamento. Ao caminhar, você não só exercita seu corpo, como a sua mente, servindo até mesmo como um tipo de meditação.

Ao realizar os movimentos repetitivos da caminhada, você pensa e trabalha nos pontos que são geradores de ansiedade.

Beach travel - woman walking on sand beach closeup

Atividades leves e repetitivas, como uma boa caminha, aproveitando um visual tranquilo, sem dúvidas podem amenizar os problemas gerados pela ansiedade.

Controle sua respiração

Ao controlar a respiração, reduzimos as reações causadas pelo sistema nervoso. Um importante exercício é quando você faz repetidamente o movimento de inspirar pelo nariz com a boca fechada.

Ao fazer isto, o abdômen se expande ao invés do peito. Depois, expire lentamente o ar pela boca. Esta é uma ótima técnica de relaxamento que garante bons resultados. E o melhor: não precisa de um ambiente propicio par isso. Você pode fazer em qualquer lugar, na rua, voltando do trabalho, na faculdade…

Sempre que estiver em um lugar mais calmo e que você possa ficar deitado, está técnica é ainda mais eficaz. O corpo relaxado, juntamente com a respiração diafragmática reduzirá sintomas como respiração ofegante, tremor e taquicardia.

Controle seus pensamentos

Se o período de sua ansiedade for muito longo, é indicado que você controle seus pensamentos, evitando pensar em qualquer coisa negativa. Diante de qualquer problema procure pensar em todas as alternativas para soluciona-lo.

Devemos medir a nossa responsabilidade no ato desagradável e pensar sempre não só em alternativas, como em coisas mais agradáveis. Claro que ter pensamentos bons em situações difíceis não é uma prática fácil, mas ajudará bastante a combater a ansiedade.

Reduza o estresse

Quem já apresenta histórico de ansiedade, necessita trabalhar diariamente o estresse. Formas alternativas de combate-lo são acupuntura, massagem, meditação e ioga. Este último, por exemplo, ajuda a pessoa a controlar não só o corpo, como a mente.

Além do mais ganha-se mais flexibilidade do corpo, aumenta a perspectiva de vida, fortalece os músculos e controla totalmente o estresse. Basta que você encontre a técnica que mais se adeque ao seu corpo e mente.

Lotus Pose

A ioga é uma excelente forma alternativa de reduzir o estresse, pois nos ajuda a controlar não apenas a mente, como também o corpo, tudo através da respiração adequada.

Alimentos milagrosos

Alguns alimentos são fontes de triptofano, uma substância percursora da serotonina. Banana e chocolate são ótimos exemplos, mas tudo feito com moderação.

O triptofano também é encontrado em capsulas, acrescido de magnésio e vitamina B6. Outra alternativa são os chás. Grande parte apresentam em sua composição substâncias sedativas, que controlam a ansiedade. Os mais comuns são de camomila, melissa e passiflora.

cup of herbal tea with chamomile flowers

Os chás são uma boa alternativa para reduzir e controlar a ansiedade. O chá de camomila, por exemplo, é um excelente calmante natural.

Vale ressaltar que estas técnicas são alternativas e você deve procurar ajuda médica de acordo com a persistência dos sintomas.