Gengibre e seus benefícios para a mulher - Melhor com Saúde

Gengibre e seus benefícios para a mulher – Melhor com Saúde

Se você sente muito frio, saiba que o gengibre, tanto consumido quanto aplicado de forma tópica, pode ajudar a esquentar.

O gengibre é uma raiz com numerosos benefícios, usada tradicionalmente por muitas culturas graças às suas propriedades curativas. Muitas delas são imprescindíveis para o bem-estar da mulher como, por exemplo, esquentar os pés frios, aumentar a libido durante a menopausa, prevenir as náuseas na gravidez ou acelerar o metabolismo.

A seguir, explicaremos quais benefícios para as mulheres e também as diferentes maneiras de consumi-lo, assim como algumas formas originais e deliciosas de usá-lo na cozinha.

O gengibre

O gengibre (Zingiber officinale) usado desde a antiguidade no Oriente tem um sabor muito peculiar, ligeiramente doce, refrescante e picante. A parte que usamos por suas propriedades é o rizoma.

Benefícios do gengibre para mulher

Benefícios do gengibre para a saúde da mulher

O consumo habitual desta raiz nos traz os seguintes benefícios:

  • Anti-inflamatório e analgésico natural: o gengibre é recomendado no tratamento natural de doenças inflamatórias e/ou dolorosas como a artrite, artrose, fibromialgia ou a fadiga crônica.
  • Digestivo: ajuda a tratar más digestões, gases, gastrite, úlceras gástricas, diarreia, etc. Funciona também como protetor estomacal ante o consumo de álcool e medicamentos.
  • Afecções de garganta: ajuda a tratar infecções e inflamações de garganta, é muito útil em casos de rouquidão e para cantores profissionais.
  • Náuseas e vômitos: especialmente recomendado nos primeiros meses de gravidez, pois não causa efeitos secundários nem ao feto nem a mãe. Também é um suplemento ideal durante a quimioterapia no tratamento de câncer.
  • Ajuda prevenir os enjoos em viagens.
  • Traz calor: o gengibre possui um alto potencial calorífico, tanto se usado externamente quanto internamente. Recomendamos especialmente para as pessoas que sentem muito frio e para épocas de frio. Em épocas de calor, lembre-se que o consumo pode aumentar a transpiração.
  • Acelera o metabolismo: esta propriedade calorífica também promove a aceleração do metabolismo, muito útil para quem quer emagrecer.
  • Aumenta a libido: é um afrodisíaco natural. Recomendamos realizar um preparado de gengibre e canela em pó com mel e tomar uma colherada diariamente.
  • Previne as doenças cardiovasculares e favorece a circulação: no entanto, se você está tomando medicação pode interferir em sua ação, por isso, procure um médico antes de consumir.

Como consumir o gengibre?

Podemos consumir está raiz de diversas maneiras:

  • Raiz crua: podemos ralar a raiz e incluir em receitas de todo o tipo.
  • Em pó: para realizar um tratamento recomendamos tomar o gengibre em pó para poder controlar a dose. Não supere a dose de 2 gr diárias e consulte sempre com um terapeuta profissional.
  • Ressecado: o gengibre ressecado é fácil de ser encontrado hoje em dia em lojas de produtos naturais. Devemos lembrar que o preparado contém um alto conteúdo de açúcar.
  • Em infusão: um chá quente de gengibre é ideal para pessoas que sentem muito frio.
  • Suco fresco: o suco fresco de gengibre, sem abusos, nos permite dar um toque original e medicinal a sucos de maçã, abacaxi, cenoura etc.
  • Óleo essencial: podemos usar o óleo essencial de gengibre para dar massagens, por exemplo, nos pés frios. Misture com creme hidratante habitual e massageie bem os pés. Em pouco tempo você notará o grande calor desprendido.

Receitas de gengibre

Receitas originais com gengibre

O gengibre nos ajudará, por exemplo, a dar um ponto suculento e refrescante a bolos, pão de ló, biscoitos ou receitas de pão caseiro.

Também podemos fervê-lo com leite ou alguma bebida vegetal, junto com canela, anis estrelado e cúrcuma e conseguiremos uma deliciosa bebida para esquentar.

Na cozinha japonesa, em conserva é usado para acompanhar os pratos de sushi. Os japoneses os adicionam para refrescar o paladar depois de comer o peixe cru.

Ressecado, nos permitirá decorar nossas receitas doces e salgadas de maneira mais original. Também podemos banhá-lo em chocolate quente e deixá-lo esfriar na geladeira para conseguir deliciosos bombons com um toque picante.

Imagens por cortesia de Chiot’s Run e Renée S. Suen.