Benefícios da melancia - Melhor com saúde

Benefícios da melancia

A melancia, ou Citrullus vulgaris, é uma das frutas preferidas no verão. Sua cor rosa avermelhada, o sabor doce, a sensação refrescante que oferece junto a seu alto poder hidratante, a transformam em um alimento ideal para o verão.


Em seu cultivo, a melancia acumula grande quantidade de água, por isso, é importante que nos asseguremos de que a água seja pura e os fertilizantes utilizados sejam orgânicos.

Alguns produtores optam por regar a fruta com água de procedência duvidosa e, nesse caso, o consumo dessa melancia seria duplamente prejudicial.

 

Melhor com melancia

Essa fruta aquosa, que nos ajuda a matar a sede, também tem grandes benefícios para a circulação, melhorando consideravelmente os problemas de inchaço nas mãos e nos pés.

Porém, esse é apenas um de seus benefícios, a melancia também contém 90% de água, o que a torna um diurético natural, ajudando a limpar o corpo. É ideal para quem sofre de problemas renais ou apresenta problemas urinários.

Além dessa grande quantidade de água que nos oferece, o resto de sua composição apresenta uma alta porcentagem de fibras, que são úteis para melhorar a limpeza do intestino, colaborando na eliminação de resíduos tóxicos.

melancia. Arina Habich

 

Ideal para fazer dietas

Apesar de seu sabor doce e o alto índice de hidratação que nos oferece, a melancia nos sacia sem acrescentar calorias em excesso ao organismo.

Isso faz com que ela esteja incluída em muitas das dietas propostas para emagrecimento, e inclusive dietas saudáveis para resolver algumas doenças que já citaremos.

Apesar de seu sabor doce, como já dissemos a melancia não é calórica (20 calorias a cada 100 gramas), e contém muitas vitaminas e minerais, dentre os quais se destaca o potássio em altas porcentagens.

Esse último elemento faz com que a melancia seja ideal para um café da manhã ou um lanche da tarde, diminuindo a oferta calórica em dietas e favorecendo a perda de peso.

 

Grandes princípios ativos

A melancia é composta por licopeno, um potente antioxidante, o mesmo presente no tomate e em diversas outras frutas e verduras, que é muito benéfico para o organismo, ajudando a levantar o sistema imunológico frente a problemas cancerígenos, asmáticos, osteoporóticos e artríticos.

melancia. S n o R k e l

Além disso, a casca da melancia, sobretudo sua parte branca, possui citrulina, que nada mais é que um princípio ativo com efeitos que potencializam a virilidade.

A citrulina, uma vez presente no organismo se transforma em arginina, um aminoácido que favorece o sistema circulatório ao aumentar a elasticidade das paredes e artérias.

O consumo diário de melancia oferece um efeito cardíaco saudável ao nosso organismo. Mas é conveniente consumi-la bastante tempo depois das refeições e das horas de descanso, para que seja mais digestiva.

Ao misturar com outros alimentos certas quantidades de frutas aquosas, dificultamos a digestão e o descanso, assim, o melhor a fazer é consumi-la entre as refeições.

 

Imagens oferecidas por: Miguel Angel, Arina Habich e S n o R k e l.