Como prevenir e evitar a queda de cabelo? - Melhor com Saúde

Como prevenir e evitar a queda de cabelo?

Atualmente, a queda de cabelo é um problema muito frequente que afeta a maioria dos homens e também as mulheres. Muitos fatores podem influenciar nesse problema, dentre eles encontramos a exposição ao sol, hereditariedade, uso de medicamentos, alimentação, deficiência de minerais, estresse, uso de pranchas e secadores, dentre outros.

De acordo com diferentes pesquisas, 70% dos homens sofrem de queda de cabelo, enquanto que nas mulheres essa cifra reduz para 25%. No entanto, independente de a quem afete e qual é a causa, o importante é saber que na maior parte dos casos é possível prevenir o problema, e com algumas recomendações, evitá-lo.

A quem começou a notar o cabelo cair ou simplesmente quer evitar esse problema, convidamos a conhecer algumas recomendações que ajudarão a preveni-lo. Antes, devemos nos lembrar de que quando o fator é hereditário é mais difícil controlá-lo, porém, essas recomendações podem ser muito úteis para diminuir o problema. De qualquer maneira, o melhor é consultar um médico que determinará a causa concreta.

Mantenha uma alimentação saudável

Quando sofremos de queda de cabelo, manter uma alimentação saudável é imprescindível para combater o problema e exibir cabelos saudáveis, charmosos e brilhantes. O recomendável é manter uma dieta rica em frutas e vegetais, evitando o consumo de gorduras e alimentos do tipo fast food.

Para tratar e prevenir especificamente a queda de cabelo o recomendável é incrementar o consumo de vitamina A, que se encarrega de estimular o crescimento do cabelo, da vitamina B5, que regenera a pele e o cabelo, evitando que fiquem debilitados, da vitamina B3, que estimula a circulação do sangue no couro cabeludo, da vitamina C, que funciona como um fortalecedor para o cabelo e finalmente, da vitamina E, que desempenha a função de restaurar os danos do cabelo, nutri-lo e evitar a sua queda.

Evite a exposição ao sol

Tomar-sol

Os raios ultra-violeta não afetam apenas a saúde da pele, mas também aos cabelos, afetando-os consideravelmente. Assim, expor o cabelo ao sol pode debilitá-lo, ressecá-lo, tirar seu brilho e influenciar em sua queda.

Mas, além disso, outros fatores como a água do mar, a praia, rios e piscinas também podem influenciar na debilidade do cabelo e se tornarem obstáculos para o seu crescimento.

Evite o uso de produtos químicos

Atualmente existe uma grande variedade de produtos químicos para uso no cabelo disponíveis no mercado, e apesar de alguns funcionarem como tratamento outros se encarregam apenas de debilitá-lo e influenciar em sua queda.

O uso de gel, tintas e inclusive alguns tipos de shampoos pode propiciar a queda do cabelo. Os laquês, géis para o cabelo, fixadores, etc. também são muito prejudiciais. Tente utilizar produtos de origem natural, que oferecerão muitas das vitaminas que indicamos aqui e não terão efeitos nocivos, já que não contêm produtos químicos agressivos.

Utilize o pente adequado

Cabelo-mascara

Na hora de pentear o cabelo também devemos ser cuidadosas, já que nesse momento é possível que caiam mais cabelos do que o normal caso penteemos de forma incorreta. É importante usar um pente com separações largas e evitar o uso de escovas. Além disso, devemos procurar manter o couro cabeludo limpo, para evitar que os folículos sejam obstruídos, pois isso pode ocasionar a queda do cabelo.

Reduza o uso de toucas e lenços

O uso frequente de toucas, chapéus, lenços e acessórios semelhantes, pode ocasionar a queda do cabelo, já que os mesmos impedem a oxigenação da região. Além disso, também é recomendável evitar o uso de grampos, pregadeiras e acessório para segurar o cabelo, pois eles exercem muita força sob a região, o que contribui para seu enfraquecimento.

Evite o uso de pranchas, secadores e grampos

Pranchar-o-cabelo

As pranchas, secadores e grampos podem ajudar a melhorar o look, porém, seu uso excessivo e contínuo pode causar muito dano ao cabelo, já que não apenas o ressecará e tirará o brilho, como também estimulará sua queda.

As altas temperaturas as quais expomos nosso cabelo ao usar pranchas e secadores faz com que ele se debilite e caia com mais facilidade.

Procure evitar o estresse as preocupações

O estresse é outra das causas da queda de cabelo, pois provoca uma contração dos vasos sanguíneos que alimentam o cabelo. Como consequência, o couro cabeludo se desnutre e o cabelo se fragiliza, caindo.