Descubra como ter uma coluna vertebral saudável

Como ter uma coluna vertebral saudável

O sobrepeso pode fazer com que nossa coluna vertebral seja submetida a muita pressão, causando dores. O melhor é procurar manter um peso saudável e evitar o excesso de toxinas.
Descubra como ter uma coluna vertebral saudável

Precisamos dizer que a coluna vertebral nos mantém, nos sustenta e nos ajuda a realizar todos os nossos movimentos? Sempre é bom lembrar disso, sobretudo quando não a tratamos da maneira correta.

No seguinte artigo você poderá aprender algumas dicas sobre como ter uma espinha dorsal saudável.

Dados sobre a coluna vertebral

postura-coluna-vetebral

A espinha ou coluna é a estrutura articulada mais importante do corpo. Começa debaixo da nuca e se estende até o quadril. Ou seja, atravessa toda a extensão das costas. Está dividida em cinco regiões:

  • Cervical: Sete vértebras (C1 a C7)
  • Torácica ou dorsal: Doze vértebras (T1 a T12)
  • Lombar: Cinco vértebras (L1 a L5)
  • Sacra: Cinco vértebras (S1 a S5)
  • Coccígea: Com quatro ou cinco vértebras

Cada uma dessas regiões da coluna vertebral tem uma função específica, sobretudo de nos sustentar, propiciar mobilidade e permitir uma postura saudável. Como se isso não bastasse, a coluna vertebral é a guia condutora do sistema nervoso.

Não se esqueça de ler: 6 técnicas para manter a postura da coluna

Como ter uma coluna vertebral saudável?

Vamos agora aos dados práticos. Se você quer ter uma coluna saudável que não tenha dores e não gere nenhum problema, então:

Cuide da sua postura

coluna-vetebral

Mantenha as costas eretas todo o tempo que puder quando estiver no trabalho, no metrô, no sofá, deitado ou na faculdade. Assim, sua coluna vertebral estará saudável.

Corrija a sua postura, contraia o ventre e alinhe-o com o abdômen. Imagine que da cabeça sai uma corda que prende seu corpo ao teto, e que as costas têm que estar bem retas para isso ser possível.

Existem muitas técnicas para manter a postura como se deve, como adicionar mais almofadas à cadeira, comprar uma cadeira ergonômica, colocar una tábua no encosto da cadeira, usar una cinta, etc.

Em todos os casos, os ombros devem estar colocados ligeiramente para trás e caindo livremente pelas laterais.

Quando temos uma má postura, os nervos que se encontram entre as vértebras se “beliscam”, e isso causa, além de dor, problemas de circulação do sangue e de falta de energia.

Por isso, se você está encurvado para a frente, é mais provável que lhe falte ânimo ou esteja deprimido, com sono ou mau humor.

De tempos em tempos, averigue como está a sua postura quando estiver sentado na frente do computador ou no escritório. Ponha um post-it no monitor para se lembrar, por exemplo.

Faça exercícios

Atenção: não é qualquer exercício que é bom para esta região. O importante é que seus movimentos ajudem a manter saudáveis, fortes e firmes os músculos das costas e da barriga, que são os que mantêm firme a coluna vertebral.

Você pode fazer abdominais, exercícios para a lombar e com pouco peso. Para tonificar a coluna e, ao mesmo tempo, relaxá-la, não hesite em praticar ioga. O melhor exercício ou esporte para a saúde das costas é a natação.

Algumas vezes por dia (pelo menos uma) faça alongamentos durante uns 10 minutos.

Uma boa ideia para descarregar as tensões da coluna é unir as mãos entrelaçando os dedos. Em seguida, estique os braços para a frente, na altura do peito. Encurve um pouco as costas, como se fosse um C, e estique os braços o máximo que puder. Repita umas cinco vezes.

Evite o acúmulo de toxinas

É claro que existe uma grande relação entre o que você come e como suas costas estão, além da postura ou dos exercícios.

É preciso que você mantenha uma dieta que não contenha alimentos gordurosos, refinados, açucarados, frituras ou fast food.

Tudo isso acumula toxinas ao longo da coluna e gera complicações e problemas diversos.

É bom incluir em sua alimentação diária sucos de vegetais com ingredientes frescos, frutos secos, como as amêndoas, peixes azuis, como o salmão, frutas frescas e dois litros de água por dia (pelo menos), para liberar tudo que se vai acumulando.

Elimine o sobrepeso

dor-coluna-vetebral

A maioria das pessoas obesas têm problemas e dores de coluna. Isso ocorre porque, quanto mais peso, mais trabalho a coluna tem que fazer para sustentar o corpo. A tensão entre e dentro das vértebras é muito dolorosa.

Se você está com muito sobrepeso, faça uma dieta que ajude pelo menos a perder alguns quilos.

Faça massagens locais

Quando sentir dor numa região da coluna vertebral, você pode ir a um massagista para que ele elimine a contratura. Mas atenção: essa técnica não deve ser empregada quando a dor for insuportável.

Algumas pessoas optam por realizar sessões de prevenção uma vez por semana para tonificar os músculos das costas e, ao mesmo tempo, ir eliminando as tensões quando elas aparecem novamente e ainda ainda são pequenas e leves.

A digitopuntura, as massagens bioenergéticas e as relaxantes são três recomendadas para tonificar as vértebras, expulsar as toxinas acumuladas e liberar as pressões entre as vértebras.

Não carregue objetos pesados

Se seu trabalho o requer, carregue coisas com uma postura correta e sempre use equipamentos apropriados. No caso de estar levantando objetos em casa ou de maneira esporádica, preste muita atenção em como você o faz.

A melhor técnica consiste em flexionar os joelhos e levar os glúteos o mais próximo possível do solo. Em seguida, pegar o que tiver que levantar nos braços, como se estivesse lhe dando um abraço.

Estique pouco a pouco os joelhos e volte à posição inicial.

Quer conhecer mais? leia: Prepare uma deliciosa batida para aliviar a dor nos joelhos e articulações

Consuma complementos naturais

dor-coluna-vetebral

Entre os mais benéficos para a coluna encontram-se o magnésio, o cálcio, a spirulina, a levedura de cerveja, a linhaça, o óleo de salmão e os óleos vegetais.