Como curar rapidamente as bolhas nos pés

Não existe nada mais incômodo que ter de caminhar longas distâncias com bolhas nos pés e ferimentos nos calcanhares. A dor aguda é constante, e a cada novo passo somos tentados a tirar os sapatos e andar descalços para aliviar a dor.

Como andar descalço na rua também não é aconselhável (mesmo!) por causa do risco de machucar os pés das mais variadas formas, o ideal é comprar sempre sapatos e sandálias confortáveis, que lhe permitam caminhar despreocupadamente.

Atletas e quem adora correr, caminhar ou realizar trilhas na natureza também sofrem com as incômodas bolhas nos pés. Mas, não se preocupe, o problema está bem longe de ser algo grave e há maneiras simples de tratá-lo. Confira!

bolhas nos pés

Deixar que as bolhas nos pés se curem sozinhas

O tratamento mais recomendado é usar chinelos, interromper a corrida ou a caminhada por alguns dias e esperar a cicatrização da bolha, que não leva mais de uma semana.

Se preferir retirar o líquido da bolha, saiba que o procedimento aumenta o risco de infecção, e não deve ser realizado em pessoas com diabetes ou varizes, entre outros problemas de cicatrização.

Se você não tiver esses problemas, pode esterilizar uma agulha e usá-la para perfurar a bolha, deixando o líquido escorrer. Deixe a pele que circulava a bolha cobrir o ferimento, pois ela protegerá a pele nova, que ainda está sendo formada.

Se realmente precisar usar sapatos fechados enquanto a bolha cicatriza, coloque um band-aid ou curativo, que deve ser trocado todos os dias. Se notar vermelhidão intensa no local ou prurido, consulte seu médico imediatamente.

prepare um escalda para tratar as bolhas nos pés

Prepare um escalda-pés

Aqueça alguns litros de água e ponha em uma bacia ou balde largo. Adicione um pouco de sal, bicarbonato de sódio ou ervas calmantes, como a camomila ou a calêndula, e mergulhe os pés. Relaxe por entre 15 a 20 minutos, enquanto a água quente estimula a circulação sanguínea, diminuindo o inchaço nos seus pés, aliviando dores e contribuindo para a cicatrização das bolhas.

tratamento de bolhas nos pés

Se quiser eliminar o mau odor dos pés também, inclua um pouco de vinagre na água. Quanto mais alta a temperatura, maior a estimulação da corrente sanguínea. Mas não exagere, para não queimar sua pele. Após 20 minutos, seque bem seus pés e aplique um talco para mantê-los bem secos. Se preferir, pode aplicar um pouco de babosa (aloe vera) sobre a bolha, o que facilitará a cicatrização.

Calêndula para tratar bolhas nos pés

Compressa de calêndula para tratar bolhas nos pés

Prepare uma compressa de calêndula com gaze e ponha sobre a bolha por cerca de 30 minutos. Você pode usar as folhas e flores dessa erva, que têm propriedades analgésicas e calmantes, para fazer uma infusão e não possuem efeitos colaterais, por serem naturais, e melhorar a cicatrização.

Como evitar o surgimento de bolhas nos pés

Como evitar o surgimento de bolhas nos pés

Para evitar o surgimento de bolhas, compre um tênis adequado ao seu tipo de pé, no número certo (nem apertado nem frouxo), e sem muitas costuras internas. Teste-o na loja para saber se está bem ajustado. Antes de correr ou andar muito com o tênis, deixe que seja “amaciado” por alguns dias.

Use meias bem ajustadas ao pé, pois é a fricção e a umidade excessiva que levam ao surgimento das bolhas. Meias conhecidas como “segunda pele” são ideais.

Mesmo a umidade provocada pelo próprio suor do seu corpo pode aumentar o risco de bolhas. Use pós antissépticos para manter os pés sempre secos, nunca utilize meias úmidas e, se quiser se refrescar durante uma corrida jogando água sobre a cabeça e o corpo, tenha cuidado para não molhar os pés.

Proteja as áreas do pé com mais tendência ao aparecimento de bolhas, como os calcanhares e laterais dos dedos, com algum tipo de proteção, como um esparadrapo comum ou produtos específicos para esse fim, vendidos nas farmácias.

Categorias: Remédios naturais Tags:
Recomendados para você