Conheça algumas curiosidades sobre as lágrimas e o ato de chorar

Conheça algumas curiosidades sobre as lágrimas e o ato de chorar

Você sabia que o ser humano é o único cujas lágrimas podem responder a diferentes sensações e sentimentos? No resto dos mamíferos elas não implicam um fator emocional.
Conheça algumas curiosidades sobre as lágrimas e o ato de chorar

Chorar é um processo fisiológico dos seres vivos. A verdade é que a capacidade de derramar lágrimas é uma característica única entre os seres humanos, que pode ter muitos significados.

Faz sentido quando um bebê chora porque tem fome, quando tem sono ou sente alguma dor. Isso não muda com os adultos. Podemos chorar pelas razões mais variadas que possamos imaginar.

A seguir falaremos algumas curiosidades sobre as lágrimas e o ato de chorar.

Chorar é bom para a saúde

Durante anos as lágrimas foram consideradas um sinal de fraqueza e de manipulação.

A realidade é que quando estamos tristes podemos expressar isso com o choro. Isso acontece porque o corpo libera substâncias que desempenham o papel de calmante natural, o que ajuda a dor a não ser tão forte como parece.

Sem dúvidas muitos já notaram que depois de chorar intensamente o corpo entra em um estado de calma e tranquilidade. O motivo é que através do choro seu corpo libera oxitocina, que funciona como um anestésico natural.

Se isso parece pouco, as lágrimas têm a capacidade de evitar a desidratação das membranas mucosas dos olhos, por isso mantêm a visão em perfeitas condições.

Outro dos efeitos que as lágrimas causam na saúde é que podem matar algumas bactérias que causam resfriados em questões de minutos, pois contêm um poderoso fluido chamado lisozima D.

Em poucas palavras, chorar é um bom exercício e ajuda a manter seu organismo em bom funcionamento.

Não se esqueça de ler: Porque precisamos chorar?

As lágrimas de alegria e tristeza são as mesmas?

lágrimas-de-um-bebê

Na realidade, os cientistas categorizam as lágrimas em três tipos:

Lágrimas basais

São as que mantêm a córnea permanentemente molhada. Elas lubrificam os olhos e ajudam a mantê-lo livres de sujeira.

Uma pessoa secreta em média cerca de 1,1 gramas de lágrimas em condições normais ao longo do dia. Com o passar do tempo, essa quantidade pode diminuir ou aumentar.

Lágrimas reflexivas

Elas são o resultado da irritação do olho por partículas estranhas ou pela presença de substâncias irritantes.

Qualquer coisa que cause irritação provoca este tipo de lágrimas. As causas mais comuns são os vapores de ebola, os gases lacrimogênios, os gases de pinturas e químicos corrosivos.

A finalidade destas lágrimas é limpar ou expulsar qualquer elemento estranho.

Lágrimas emocionais

São aquelas que se originam por qualquer tipo de emoção ou sentimento: alegria, tristeza, fúria, raiva, etc.

Chorar depois do sexo

Muitas pessoas sentem vontade de chorar depois de terem um orgasmo. Ainda que não haja um consenso científico em relação ao que pode causar este fenômeno, alguns acreditam que ele tem relação direta com a flutuação hormonal causada pelo sexo.

Outros se inclinam mais por uma explicação de cunho psicológico e dizem que pode-se chorar por muitas razões:

  • Pela sensação de ter chegado ao clímax.
  • Pela culpa quando está acontecendo alguma traição.
  • Pela tristeza de estar em um relacionamento infeliz.

Se este tipo de choro ocorre frequentemente, talvez você deva analisar se seu relacionamento lhe faz feliz. Caso o choro seja de felicidade está tudo bem, mas se for de infelicidade, talvez seja o momento de avaliar se vale a pena continuar.

Tanto os homens quanto as mulheres choram

chorar-rios-de-lágrimas

As histórias de que as mulheres choram mais do que os homens são conhecidas desde a antiguidade. Inclusive existem algumas piadas a respeito do tema, e há estudos que demonstram que as mulheres choram quatro vezes mais do que os homens.

Isso ocorre porque o hormônio prolactina interfere enquanto a pessoa chora. Este hormônio está presente em maior quantidade no sangue e nas lágrimas das mulheres.

Por outro lado, os canais lacrimais têm um formato diferente nos homens, e o das mulheres facilita o choro.

Quer saber mais? Leia: As agulhas do tempo nem sempre costuram nossas feridas

Os animais também choram

Os animais também têm a capacidade de chorar. Normalmente isso pode ser percebido através dos sons que emitem, das expressões faciais ou do comportamento que manifestam.

As expressões dos sentimentos dos animais variam de acordo com o desenvolvimento do sistema límbico de cada espécie.

Nas pessoas e em alguns mamíferos o choro está conectado com sistemas de recompensa do cérebro. No entanto, só os humanos choram de emoção.

Ou seja, é impossível que as lágrimas vertidas pelos animais tenham um transtorno emocional como motivação; são somente o resultado de um hábito funcional.

As lágrimas e suas curiosidades interessantes

lágrimas-de-felicidade

As causas “emocionais” pelas quais choramos são várias: para aliviar tensões, por empatia, por compaixão, quando sentimos dor, para chamar a atenção e até por felicidade.

Ainda que alguns cientistas classifiquem as lágrimas como emoções ou como causadas por irritação, sua produção e composição continuam compartilhando o mesmo mecanismo fisiológico.

O que se sabe com certeza é que as lágrimas desempenham a importante função de proteger os olhos.