Dicas para evitar os gases e a indigestão - Melhor com Saúde

Dicas para evitar os gases e a indigestão

É possível que o estresse afete a nossa digestão? Certamente você já passou por isso mais de uma vez. Uma vida emocional equilibrada também é fundamental para a sua saúde digestiva.

Todos estão sujeitos a sofrer uma incômoda indigestão, ardor estomacal ou de gases a qualquer momento. O mais provável é que em algum momento muitos de nós já tenham experimentado alguns desses problemas e inclusive que outros os experimentem com certa frequência.

Geralmente isso acontece quando nosso organismo não digere bem os alimentos e como consequência a digestão trabalha de maneira lenta e pesada, o que inclusive pode vir acompanhado por outros sintomas.

Diz-se que sofremos de uma digestão ruim quando o transtorno nos acomete frequentemente e inclusive diariamente por vários meses. Diferente disso, a indigestão estomacal é ocasional, costuma durar menos e é mais fácil de tratar.

Por outro lado, os problemas de flatulência também podem ser muito frequentes, já que andam sempre de mãos dadas com a má digestão e a indigestão. E como sabemos apresentar flatulência é um tanto quanto desagradável, principalmente se o problema for crônico.

Esses problemas podem ser causados pelos mesmos hábitos de vida que mantemos diariamente, por isso algumas modificações nesses hábitos pode nos ajudar a evitá-los. Vejamos.

Evitar o estresse emocional ou o nervosismo para não sofrer com a indigestão

Para quem ainda não sabe, o estômago é um órgão muito sensível aos problemas emocionais. Quando sofremos de estresse ou entramos em uma crise de nervosismo, ou inclusive depressão, o estômago também começa a se pronunciar, e quase sempre sentimos dor, inflamação, indigestão em geral e inclusive gases. Manter uma vida emocional equilibrada favorecerá a boa digestão.

Comer de forma adequada

dieta para melhorar a indigestão

Aprender a comer é um dos pontos chave para evitar a indigestão e os gases. Quando não mastigamos bem os alimentos, nossa digestão se torna mais lenta, já que se torna mais custoso ao organismo o trabalho para realizar o processo digestivo.

Além disso, quando comemos às pressas engolimos ar em excesso e é nesse momento que os gases começam a se formar.  É muito importante comer devagar, mastigar bem os alimentos para que a salivação facilite a digestão e aumentemos nossa sensação de saciedade.

Também é importante não tomar muita água durante as refeições, já que ao neutralizar os ácidos acaba por tornar a digestão mais pesada.

Descansar um pouco depois de comer

Essa é uma ótima ideia para relaxar e permitir que o estômago tenha a energia necessária para realizar uma boa digestão. Evite praticar atividades físicas depois de comer e descanse um pouco. É conveniente se recostar em um sofá ou em uma poltrona, o que não é conveniente é deitar para dormir logo depois de ter comido.

Tomar medicamentos com o estômago cheio

Repousar após comer para melhorar a indigestão

Muitos medicamentos podem ser a causa da indigestão, e é por isso que devemos evitar seu consumo ao máximo. Mas, caso seja necessário fazer uso diário de algum tipo de medicamento o recomendável é fazê-lo com o estômago cheio para evitar incômodos.

Manter uma alimentação saudável

A alimentação é fundamental para quem quer ter uma boa digestão e evitar os gases. Alguns alimentos podem cair muito mal no estômago, logo, é melhor evitá-los.

Para pessoas que frequentemente sofrem de gases e indigestão o recomendável é reduzir o consumo de alimentos picantes, ácidos, gordurosos, com excesso de fibras ou qualquer outro que possa causar intolerância. Mas, além disso, é preciso evitar o consumo de álcool, cigarro, bebidas gasosas e comidas rápidas.

Não comer antes de dormir

Evitar a ansiedade na hora de comer para melhorar a indigestão

Muitas pessoas têm o mau hábito de comer algo antes de dormir e isso pode cair muito mal na hora de fazer a digestão. O melhor a fazer, sempre, é comer pelo menos três horas antes de se deitar a noite.

Considerações finais

  • Aplique todas essas dicas em sua vida diária, pois elas podem te ajudar muito no controle da digestão e a dizer adeus aos gases e a indigestão. Lembre-se também que é conveniente tomar alguns remédios naturais para combater a esses problemas. O gengibre e o limão podem ser dois grandes aliados, tanto para combater os gases como para aliviar a indigestão.
  • Além disso, lembre-se que os problemas estomacais e digestivos devem ser levados muito a sério quando incidirem com frequência em sua vida. Se o ardor estomacal, a indigestão e os gases ocorrem mais de duas vezes por semana, é aconselhável consultar um médico para descobrir se esses sintomas não estão indicando um problema maior como, por exemplo, uma síndrome do intestino irritável, problemas na vesícula, alergias a alguns alimentos e, na pior das hipóteses, certos tipos de câncer.