Dicas contra a prisão de ventre - Melhor com saúde

Dicas contra a prisão de ventre

Todos sabemos quais são os sintomas da prisão de ventre. Mas sabemos realmente em que ela consiste, quais são suas causas, como evita-la e remedia-la de maneira natural?

Tecnicamente, uma pessoa com um intestino saudável deveria evacuar – como no mínimo – uma vez ao dia, ou depois de cada refeição abundante.

Se esse não é o caso, provavelmente o limite seria uma evacuação a cada 48 horas, caso contrário, poderíamos afirmar que o corpo desse pessoa sofre de prisão de ventre.

E nesse caso, o que fazer a respeito?

Causas da prisão de ventre

As causas para este problema são variáveis e podem envolver desde desidratação até problemas gastrointestinais, o mais importante e primordial, antes de qualquer tratamento, é consultar um médico de confiança.

Também devemos considerar que cada organismo é distinto e que, portanto, os remédios eficazes a algumas pessoas não surtirão necessariamente o mesmo efeito em nós.

Porém, caso não soframos de uma prisão de ventre grave, e sim uma dificuldade para evacuar, é importante considerar alguns pontos que abordaremos agora.

Má digestão = Má evacuação

Alimentos pesados ou em excesso, condimentados ou fritos, gerarão uma massa em nosso estômago que será difícil de processar, causando logicamente uma evacuação tardia e, portanto, incômoda e dolorosa.

Igualmente, atos simples como não mastigar bem a comida, comer de pé ou muito rápido, impedirão que nosso organismo tenha a energia necessária para digerir adequadamente a comida.

O organismo não é uma máquina processadora de farinhas

Isso significa que, se não acompanhamos nossa alimentação com os líquidos necessários, em horários adequados, o mesmo não poderá produzir rejeitos evacuáveis de maneira eficaz.

O ideal quanto à hidratação é consumir de dois a três litros de água diariamente.

E preste atenção, é importante que seja ÁGUA e não outro tipo de bebidas que ao invés de ajudarem ao corpo o darão mais trabalho, como refrigerantes, sucos artificiais e o famoso chá gelado, que só pioram a situação devido a sua quantidade de açúcar.

Água ajuda a evitar prisão de ventre

É importante que consumamos água e não outras bebidas, geralmente açucaradas, que podem piorar o problema.

Consumo de cereais evita a prisão de ventre

Isso mesmo, afinal, o consumo de cereais ajuda a incorporar a fibra que necessitamos para a evacuação. Entre os mais importantes estão a linhaça, o trigo e a aveia.

Ainda assim é preferível consumir farinhas integrais e açúcar moreno ao invés de açúcares processados ou brancos.

Consumo de cereais evita a prisão de ventre

o consumo de cereais ajuda a incorporar a fibra que necessitamos para a evacuação.

Cuidado com os laxantes

Os laxantes , funcionam unicamente quando são necessários, não diariamente, já que podem gerar dependência e acostumarem o organismo a seu efeito, o que o torna improdutivo no fim das contas.

Caminhar e se movimentar

Sem dúvidas nos mantermos mais em movimento e menos estáticos e realizarmos caminhadas diariamente ajudará nosso organismo a processar a comida, ou seja, não é recomendado que fiquemos sentados a maior parte do dia.

Para favorecer a digestão, ao terminar uma refeição, é fundamental nos movermos.

Se movimentar ajuda o organismo a processar os alimentos e evitar a prisão de ventre

Nos mantermos mais em movimento e menos estáticos, ajudará nosso organismo a processar a comida.

Como mencionado anteriormente, se a prisão de ventre é grave deve ser tratada por um médico. E caso seja possível um tratamento natural, preste atenção nestas dicas.

Algumas dicas interessantes para evitar a prisão de ventre

– As frutas sempre ajudam: seja e forma de suco, compota ou papas. Se deseja um efeito rápido, prove maçã com abacaxi, ou maçã com tangerina, ou suco de babosa, laranja e mel, babosa e mamão, etc…

Algumas dicas interessantes para evitar a prisão de ventre

Se você deseja um efeito rápido, prove algumas combinações de frutas em seus sucos, os resultados serão satisfatórios.

– Cereais podem ser combinados com uma infinidade de alimentos. Por exemplo, uma colher de chá de sementes de linhaça em um copo d’água fervente, deixar a mistura repousar por uma noite.

Para dar mais sabor, adicionar algumas ameixas secas e tomar diariamente durante dois meses.

Cereais combatem a prisão de ventre

Os cereais podem ser combinados com uma infinidade de alimentos

– Se preferir algo menos parecido com um remédio e mais com uma sobremesa, pode preparar uma simples receita de frutas ao forno.

Para isso, coloque as frutas que prefira, cortadas em cubos em um pedaço de papel alumínio, polvilhe com canela, adicione um ramo de lavanda e um pouco de anis estrelado.

Anis estrelado contra a  prisão de ventre

Anis estrelado

Adoce com um pouco de mel e uma colher de sopa de vinho branco; feche o papel alumínio e leve a mistura ao forno durante 15 minutos. Posteriormente retire-a, deixe esfriar e aproveite esta deliciosa sobremesa natural.

Mesmo que você já esteja acostumado com os episódios de prisão de ventre, o importante é que não se resigne e busque uma solução, pois se trata de um problema que pode culminar em doenças piores.

Portanto, tente traçar uma disciplina para pôr em prática algumas destas dicas. Os resultados sem dúvidas serão positivos e inesperados.