Meu filho tem sobrepeso: o que posso fazer?

Meu filho tem sobrepeso: o que posso fazer?

Se quisermos que nosso filho se alimente de forma adequada, é fundamental dar o exemplo comendo todo tipo de verduras, legumes e hortaliças.
Meu filho tem sobrepeso: o que posso fazer?

Infelizmente, a parcela da população mundial que sofre com o sobrepeso e a obesidade está cada vez maior. Ainda que isso possa ser surpreendente, os números não são mais otimistas para as crianças, já que muitas começam a lutar contra este problema ainda durante a infância.

O sobrepeso é extremamente prejudicial para a saúde de todos, já que aumenta o risco de diversas doenças como a diabetes e as doenças cardiovasculares.

Além disso, o sobrepeso também afeta muito a autoestima da pessoa que sofre com ele, e este efeito pode ser ainda maior no caso de uma criança, já que é nesta fase que os primeiros pilares da autoestima são construídos e fortalecidos.

Para estas crianças combatendo o sobrepeso, é fundamental contar com o apoio dos pais, pois é a responsabilidade dos adultos auxiliá-los e guiá-los pelo caminho de uma vida mais saudável, já que não se trata apenas de uma questão estética, mas sim de saúde.

A seguir, iremos enumerar alguns conselhos que devemos levar em conta se quisermos ajudar nossos filhos a lutar contra o sobrepeso e vencê-lo, melhorando sua autoestima, saúde e qualidade de vida em geral.

Conselhos para combater o sobrepeso em crianças

Sobrepeso-em-criancas

  1. Dietas restritivas não são o caminho

Dietas restritivas não são uma boa alternativa nem para os adultos, e nem para as crianças. Seu filho até pode perder peso enquanto estiver fazendo a dieta, mas a chance de que ele recupere os quilos perdidos (e talvez até alguns extras) quando a dieta acabar é muito grande.

Além disso, as dietas radicais podem não oferecer as vitaminas e minerais fundamentais para uma boa nutrição das crianças nesta etapa tão importante da vida. Lembre-se de que o foco aqui não é na estética, e sim na saúde, por isso não devemos optar por uma solução rápida.

É preciso focar em uma mudança de hábitos que possa ser mantida no longo prazo, como parte de um estilo de vida verdadeiramente saudável que a criança poderá carregar consigo durante toda a sua vida.

  1. Mantenha uma alimentação saudável

Em lugar de restringir as quantidades ou estabelecer uma ingestão máxima de calorias para as crianças, foque em manter uma alimentação saudável, rica em frutas, vegetais, legumes, carboidratos saudáveis, gorduras saudáveis e fontes de proteína magra.

Evite os alimentos industrializados e processados e opte por “alimentos reais”. Proporcione ao seu filho refeições saudáveis e ricas em nutrientes, que irão fornecer combustível para o corpo, e não causar o ganho de peso e o acúmulo de gordura.

Pela manhã, não deixe de oferecer a ele um café da manhã saudável e nutritivo, já que esta refeição realmente é a mais importante do dia, e influi no processo de perda e manutenção de um peso saudável. Ofereça também opções de lanches saudáveis que as crianças possam levar para a escola, para que não acabem ingerindo alimentos como biscoitos recheados e refrigerantes quando sentirem fome.

  1. Incentive a prática de atividade física

Criancas-e-o-esporte-para-evitar-sobrepeso

Fazer exercícios é a melhor maneira de ajudar uma criança a perder peso de maneira saudável e manter um peso adequado para a sua idade e altura. As crianças são naturalmente ativas, portanto nós, como pais, devemos incentivar esta atividade e movimentação nelas.

Nós não estamos falando de levar seu filho para uma academia ou colocá-lo na esteira ergométrica, e sim simplesmente de movimentar o corpo com uma atividade que aumente o ritmo de seus batimentos cardíacos.

Assim como no caso dos adultos, é muito mais provável que uma criança continue com uma atividade da qual ela realmente goste, por isso tente descobrir qual é o tipo de exercício que o seu filho gostaria de praticar. Pode ser uma aula de dança, natação, caminhadas, andar de bicicleta, jogar futebol com os colegas da escola, etc. As opções são infinitas; basta escolher a melhor opção para cada um e começar a se mexer com frequência.

  1. Mantenha as tentações longe

Raramente um filho vai fazer as compras do lar, correto? Na maioria das vezes, decidir quais alimentos serão comprados e levados para casa é algo que cabe aos pais. Logo, é fundamental ficar atento ao que você compra e mantém dentro de casa.

É muito difícil resistir a um chocolate que está ali, na despensa de casa, olhando para você, concorda? Por isso, se o objetivo for perder peso de maneira saudável, mantenha a casa livre de tentações e alimentos que podem prejudicar este objetivo.

Entre eles, podemos citar os chocolates, biscoitos e doces em geral, refrigerantes, balas, frituras, sorvetes, salgadinhos, e diversos alimentos processados que não oferecem nutrientes e apenam fazem com que acumulemos gordura e arrisquemos nossa saúde.

Claro que, uma vez ou outra, é normal abrir uma exceção e desfrutar de algum destes alimentos, mas esta não pode ser a regra.

  1. Dê o exemplo

Alimentacao-de-criancas-com-sobrepeso

As crianças são como esponjas e se inspiram muito em seus pais para desenvolver seus próprios comportamentos e opiniões. Se o seu filho estiver sofrendo com o sobrepeso, a batalha dele contra os quilos a mais também será sua. Afinal, não podemos querer que nosso filho coma uma fruta de sobremesa se nós iremos optar por um chocolate, não é mesmo?

Se os pais mantiverem hábitos alimentares saudáveis e praticarem exercícios com frequência, os filhos certamente terão um interesse muito maior em seguir pelo mesmo caminho.