Formas de fortalecer os ossos - Melhor Com Saude

Formas de fortalecer os ossos

Para prevenir a osteoporose é fundamental consumir cálcio. As pessoas intolerantes à lactose podem adquiri-lo através dos peixes, carnes e ovos.

Quando se é jovem, são poucas as preocupações que se tem frente a doenças e sofrimentos futuros. Como o caso da osteoporose, a qual se converteu em um grande rival do homem e onde é necessário tratamento antecipado. Para isso, existem fáceis e variadas formas de conservar a saúde de seus ossos e hoje, queremos compartilhar estes métodos práticos que ajudam a fortalecer a estrutura óssea.Desfrute!

Através dos anos o leite e seus derivados foram considerados como uma fonte principal de cálcio, mas, o que acontece com aqueles que são intolerantes a lactose? Neste artigo apresentamos uma nova proposta para a calcificação contínua de seus ossos, evitando o risco de fraturas.

O que é a osteoporose?

A osteoporose deve-se a redução da massa óssea que gera fragilidade nos ossos. As mulheres são mais propensas a sofrer com a osteoporose, especialmente depois da menopausa. É importante, para evitar o enfraquecimento dos ossos, o consumo constante de alimentos que contenham vitamina B12, essencial para a conservação da massa óssea,e em adultos recomenda-se o consumo de 1 mg diário. Enriqueça sua dieta com peixe, carnes, ovos e lácteos. Incluir ovos em sua dieta ajuda a fortalecer os ossos O cálcio é primordial para evitar a osteoporose e fraturas, este nutriente pode ser encontrado principalmente nos lácteos e seus derivados. A vitamina D também é indispensável para o consumo de cálcio e a para sua boa distribuição nos ossos e no sangue. Esta vitamina pode ser encontrada no óleo de fígado de bacalhau, peixes, a gema de ovo, fígado e manteiga. Também deve-se incluir em sua dieta alimentos que tragam as quantidades exatas de fósforo, já que este mineral é indispensável para a formação dos ossos e dos dentes. Pode ser consumido nos seguintes alimentos: lácteos, peixes, frutos secos, cereais integrais e legumes. O magnésio também se converteu em um nutriente primordial para cuidar dos ossos e pode ser encontrado nos mariscos, nos ovos e cereais. O flúor é um elemento que permite a dureza e a estabilidade da matriz mineral da estrutura óssea. Suas fontes principais são: a água, os peixes, o chá negro e os mariscos. O silício também forma parte desta grande lista de componentes indispensáveis para o fortalecimento dos ossos, e este pode ser extraído da água mineral, do café, do fermento de cerveja e dos alimentos ricos em fibras como os cereais integrais. Inclua algum tipo de cereal em sua dieta para fortalecer os ossos Combata o enfraquecimento e a redução da massa óssea

  • Evitar posições erradas do tronco, permaneça, preferivelmente, com o tronco na vertical e evite movimentos rotatórios fortes com o mesmo.
  • Reduza o uso de sapatos com saltos muito altos, já que deve permitir o corpo uma posição flexível e estável para evitar desgastes.
  • Na hora de se sentar, evite as cadeiras e almofadas muito moles. Você deve manter uma postura reta e apoiar os pés no chão, isto favorecerá os ossos das costas e das pernas.
  • Também é necessário a atividade física frequente, já que o exercício é um estímulo direto para a formação e fortalecimento dos ossos, e um dos principais riscos da osteoporose está no sedentarismo. Recomenda-se uma vida ativa. Um dos principais exercícios que pode evitar a descalcificação e enfraquecimentos dos ossos é caminhar. As caminhadas diárias prolongam e ajudam no desenvolvimento e fortalecimento da estrutura óssea.

Podemos ver que uma boa dieta é indispensável para conservar o bom estado e força de nossos ossos, mas não basta só uma boa alimentação, esta deve ser complementada com boas posturas, atividade física frequente e a ingestão de lácteos e seus derivados, principalmente durante a gravidez e o crescimento, isto permitirá que os lácteos tragam o cálcio suficiente para a correta formação da massa óssea. Tenha em mente que a saúde dos ossos assegura uma vida prolongada e sem riscos de fraturas, problemas que podem chegar com a idade. É indispensável que desde a juventude pense-se no bem estar do corpo através do tempo, já que os problemas físicos chegam com o passar dos anos e para o corpo é mais difícil absorver os nutrientes quando a idade avança.