Inchaço nos pés: causas e remédios - Melhor com Saúde

Inchaço nos pés: causas e remédios

Além de realizar algum tipo de exercício de maneira regular, é muito importante controlar a alimentação, eliminar o sal de nossas refeições e evitar o sobrepeso.
Aliviar inchaço nos pés

O inchaço nos pés é um sintoma cada vez mais comum atualmente devido ao estilo de vida que culmina em uma vida sedentária e em problemas como obesidade, estresse, etc.

As causas são muito diversas, desde transtornos hormonais, como os que ocorrem na gravidez, menopausa, menstruação ou com tratamento hormonal, a problemas de circulação venosa ou doenças mais graves como as cardíacas, hepáticas ou renais.

De qualquer forma, essas últimas virão acompanhadas por outros sintomas e sinais que poderão nos avisar que se trata de um problema mais sério, e neste caso devemos tratar a doença base. Para isso, é indispensável consultar seu médico regularmente.

Na maioria dos casos a causa pode ser mais banal, como é o caso da má circulação que faz com que o líquido se acumule nas extremidades inferiores se passamos muito tempo em pé ou sentados, ou durante a gravidez, onde o aumento de líquido se deve a uma resposta hormonal de nosso organismo às necessidades que esse estado impõe.

Recomendações para diminuir o inchaço nos pés

– Caminhar diariamente e, se tivermos a oportunidade, fazer isso descalços na areia da praia, pois isso ativa a circulação e é muito benéfico.

– Fazer exercício físico moderado como natação, ciclismo…

– Dieta saudável com grande teor de alimentos frescos e pobre em sal, caso o problema seja frequente. Deve-se emagrecer caso haja sobrepeso.

– Evite ficar com os pés parados ou sentado durante muito tempo. Se nossa rotina impõe isso, devemos flexionar os joelhos e tornozelos assiduamente e nos levantar e andar de vez em quando.

– Os escalda-pés com água quente e sal são muito efetivos, assim como as massagens com óleos essenciais ou, inclusive, com azeite de oliva.

– Depois desses cuidados, no fim do dia, descansaremos com os pés para cima (numa altura acima do coração) durante uns 20 minutos, pelo menos.

– Para ativar a circulação podemos realizar exercícios com uma bola de tênis. Iremos colocá-la no chão e a moveremos com a planta dos pés.

– Usar meias compressivas pode oferecer um grande alívio.

– O calçado é fundamental. Devemos usar um folgado, que não aperte muito o pé. O salto recomendado é de aproximadamente 3 centímetros.

Seguir todas essas dicas é essencial para reduzir o inchaço nos pés e nos joelhos, assim como para preveni-los.