Jantar engorda? - Melhor com saúde

Jantar engorda?

A recomendação é jantar, pelo menos, duas horas antes de ir dormir, para que o corpo tenha tempo de completar a digestão.

O jantar é uma refeição chave, que determina nossa dieta e, consequentemente, nosso peso. Comer muito ou comer mal pela noite está relacionado com a produção de gordura, é nesse instante do dia, em que quase não consumimos energia, que queimamos as calorias. Desse modo, fica claro que a maioria das calorias deva ser consumida na primeira metade do dia. 

Devemos saber quais alimentos incluir e quais descartar para obter uma dieta equilibrada em nossos jantares, que nos permita manter ou perder peso. Controlar nossa ingestão de calorias é o segredo para perder peso de forma natural, melhorar nossa qualidade de vida e inclusive nosso descanso. Tome nota então:

É verdade que jantar engorda?

Não, na verdade o que engorda é comer mal no período da noite. Infelizmente, é algo que fazemos incorretamente quase todos os dias, pelos seguintes fatores:

  • Pelas manhãs, podemos fazer uma dieta equilibrada e até “comer pouco”, mas quando chegamos em casa pela noite, geralmente atacamos a geladeira por ansiedade. O “beliscar”, o comer a primeira coisa que encontramos, faz com que consumamos alimentos hipercalóricos, ricos em gorduras;
  • Em certas ocasiões, devido ao trabalho ou a nossas obrigações, tomamos o café da manhã depressa ou nem sequer o tomamos, comemos ao meio dia algo rápido e, finalmente, chegamos em casa com muita fome e com vontade de “assaltar a geladeira”. É outro mau hábito que passa despercebido;
  • Comer muito tarde: em certas ocasiões, chegamos tarde em casa, nos adentramos em outros afazeres e vamos jantar  quase na mesma hora de ir dormir. Isto, evidentemente, não é certo. O ideal é jantar duas horas antes de dormir, para que o corpo termine completamente a digestão.

Alimentos que não devemos consumir pela noite

Existem alimentos que não devemos evitar consumir à noite, por serem muito calóricos e indigestos. Alimentos que não somente provocarão aumento de peso, como também farão com que nosso sono seja ruim. Evidentemente, temos que evitar comidas pesadas com muita fritura e gordura, bebidas gaseificadas ou com cafeína, além dos alimentos da seguinte lista:

Lanchinhos

Com certeza você já o fez mais de uma vez. É um recurso fácil porque pensamos que é algo “rápido”, e ainda que tudo dependa do que está incluído no lanche. Contudo, você deve levar em conta que não é muito recomendado comer muito pão no jantar, especialmente se você é sensível aos carboidratos, pois se eles não forem assimilados corretamente, acabarão acumulando no tecido adiposo em forma de colesterol.

Saladas com alface

Pode ser que lhe surpreenda, mas a alface é um alimento bastante indigesto, devido ao seu alto conteúdo de fibras insolúveis, provocando gases e inchaço abdominal pela noite. É muito comum recorrer a saladas nesse horário, mas é melhor que faça saladas de tomate com algum tipo de proteína, o que causará a importante sensação de saciedade.

Alho e cebola

Nunca coma alho e cebola crus pela noite, pois são indigestos a estas horas e seu estômago não vai ficar bem durante a noite.

Macarrão, arroz e pizzas

Não exagere com eles, os carboidratos dos vegetais e as verduras sempre serão melhores que os do macarrão e do arroz, mas se comidos em pequenas quantidades pode ser aceitável.

Alimentos permitidos no jantar

O jantar é a última refeição e, por isso, deve ajudar a equilibrar o consumo de nutrientes do dia. Sempre é positivo incluir uma boa porção de verduras:

– Verduras grelhadas ou refogadas, sopas, gaspachos com uma porção de salmão ou algo de peru, por exemplo. Iogurtes desnatados, substituir o pão por torradas etc.

Exemplos de jantares rápidos

– Champignon refogado com panqueca à francesa de queijo desnatado. Uma rodela de melão ou melancia;

– Salada de tomate com mozarela e camarão, um pouco de salmão e uma torrada;

– Creme de abobrinha com merluza, maçã e um iogurte com mel.

O que acontece se eliminamos o jantar de nossa dieta?

Saltar refeições não é efetivo, em certas ocasiões, produz mais ansiedade e faz com que comamos grandes quantidades na próxima refeição. Suprimir um jantar faz com que o nível de açúcar no sangue reduza, sofremos com a hipoglicemia e o consumo calórico também é reduzido. Não é recomendado.

Qual é a sobremesa recomendada?

Frutas frescas ou em compota (esta ultima é mais digestiva), e iogurtes desnatados.

Que horas devemos jantar?

Duas horas antes de ir dormir.