Maneiras de controlar os ataques de pânico - Melhor com saúde

Maneiras de controlar os ataques de pânico

Para poder enfrentar um ataque de pânico, é muito importante conhecer os sintomas para buscar ajuda quando notarmos o menor indício.

As múltiplas obrigações diárias muitas vezes nos geram estresse, mas na maioria dos casos o estresse é tanto e em tantas ocasiões que temos verdadeiros e fortes ataques de pânico.


Esta situação é bastante comum atualmente, pois como já comentamos anteriormente, os ataques podem aparecer com bastante frequência devido a grande quantidade de tarefas que devemos realizar diariamente e o tempo nunca é suficiente. No entanto, temos que ter cuidado e saber manejar cada situação para cuidar de nossa saúde.
 

Sintomas

 

A parte mais importante para evitar um ataque de pânico ou para saber maneja-lo caso ele se apresente, é saber reconhecer os sintomas, que podem envolver enjoos, sensação de desmaio, pressão no peito, taquicardia e dificuldade para respirar.

Quando você apresentar estes sintomas o mais aconselhável é buscar ajuda o quanto antes, fale com alguém e conte a situação, pois pelo menos dessa maneira poderá descarregar o estresse e melhorar naquele instante.
 

Compreenda a situação

 

Na realidade é muito difícil levar as coisas com calma, principalmente quando pensamos na situação que nos levou ao limite de nossa capacidade de entendimento, mas é realmente necessário fazer o maior esforço para poder controlar um ataque de pânico e não permitir que a situação saia de nosso controle.

O melhor é fazer frente ao problema que está nos descontrolando, tratar de respirar profundamente enquanto conta até dez, nesse período você se acalmará um pouco e terá a capacidade de ver as coisas com mais clareza e encontrará uma solução.
 

Frases que podem ajudar

 

Existem algumas frases de autoajuda que você pode repetir cada vez que se encontrar em uma situação de descontrole ou um ataque de pânico. Você pode repetir várias vezes frases como:

 

  • “Tudo ficará bem”
  • “Eu posso resolver isso”

 

Não importa qual frase você utilize, o que realmente importa é que elas possam lhe dar força para assumir a situação, que você possa resolvê-la sem complicações.

Se os ataques de pânico se repetem com muita frequência o melhor que pode fazer é buscar ajuda psicológica, visto que esta situação pode provocar problemas mais complexos e chegar a desencadear episódios muito perigosos tanto para seu próprio bem-estar quanto para os das demais pessoas.

Se você conhece alguém, familiar ou amigo que esteja passando por uma situação semelhante faça-o saber destes conselhos para que possam sair deste problema sem tanta complicação.

E não se esqueça de que os problemas devem ser enfrentados com valentia e responsabilidade, não importa o quão complicado e difícil eles pareçam.

Somente desta maneira poderemos encontrar soluções reais e definitivas para os contratempos que aparecem diariamente, pois se nós os ignorarmos eles se acumulam, e com o tempo será impossível solucioná-los, e é nesse momento onde podemos chegar a ter os ataques de pânico.