O que é uma dieta balanceada? - Melhor com saúde

O que é uma dieta balanceada?

Todos escutamos dizer que é preciso ter uma dieta balanceada, mas raramente sabemos o que isso realmente significa, e como adaptar essa necessidade aos nossos gostos e hábitos.

Segundo nutricionistas, uma dieta balanceada é aquela que oferece ao organismo os componentes essenciais para seu bom funcionamento. Ela também não provoca aumento ou perda de peso, mas nos mantém saudáveis. Daí tiramos uma dica fundamental: comer aquilo que é necessário, nem de mais nem de menos.

Mas, quais são os grupos de componentes que devem ser consumidos diariamente?

  • Carboidratos: arroz, batata, macarrão, mandioca, pães, biscoitos, farinhas e massas em geral. Todas as refeições devem contar com pelo menos um alimento desse grupo.
  • Vitaminas e minerais: frutas, verduras e hortaliças.
  • Proteínas: carnes, aves ou peixes; leite e seus derivados; leguminosas (feijão, soja, ervilha, etc)
  • Gorduras: óleos vegetais, manteigas, margarinas, entre outros.
  • Açúcar: doces e sobremesas em geral, além do próprio açúcar e do mel.
  • Água: recomenda-se a ingestão de cerca de 2 litros de água ou de outros líquidos.

emagrecermaneiraeficaz

De olho nessa lista, escolha alimentos de cada grupo que agradem a seu paladar e, talvez, um ou dois dos quais você não gosta, mas que são importantes para a saúde. Mantendo esses alimentos disfarçados entre as suas guloseimas preferidas fica mais fácil seguir uma dieta saudável.

Como identificar uma refeição balanceada?

Geralmente, quanto mais colorido o prato, mais balanceado estará. Todos os componentes nutricionais devem ser contemplados ao longo do dia, se possível em todas as refeições. A ausência de elementos de qualquer grupo pode levar a sérios problemas físicos e/ou emocionais.

Então pode comer de tudo?

Sim, pode comer de tudo, desde que seja com moderação. A exceção fica para pessoas com problemas de saúde, que precisam seguir dietas específicas definidas por médicos. Para não engordar, é só seguir a regra matemática que diz que o consumo deve ser igual à quantidade gasta.

Ou seja, uma pessoa sedentária precisa de um número menor de calorias se comparado a um atleta, por exemplo. Por isso, é interessante buscar um nutricionista, que irá sugerir quantidades e preparar um cardápio específico para você. Além disso, é importante comer a cada 3 horas, para evitar picos de fome descontrolada.

Quais os grandes vilões da dieta?

Em geral, recomenda-se um baixo consumo de açúcares e de gorduras de origem animal. Outra dica é trocar os derivados da farinha branca por alimentos integrais e ricos em fibras, além de diminuir o consumo de sal e de frituras. Carnes magras também devem ficar à frente nos cardápios.

Existe uma dieta para cada idade?

Sim. Na fase de crescimento o consumo de proteínas precisa ser alto, bem como a necessidade de cálcio, pois é preciso formar  músculos e ossos. Além disso, o metabolismo é mais rápido, permitindo um consumo maior de calorias sem o perigo de engordar.

A dieta para homens e mulheres é diferente?

Sim, não só por fatores de constituição física, mas também hormonais. As mulheres apresentam necessidades específicas em diferentes etapas da vida, como durante a TPM (Tensão Pré-Menstrual), durante o período menstrual, gravidez, pós-parto e menopausa.