O que é uma trombose e como preveni-la? - Melhor com Saúde

O que é uma trombose e como preveni-la?

A trombose é uma doença que afeta muitas pessoas no mundo, o sedentarismo, o tabagismo e uma alimentação inadequada são algumas das causas do problema. Nesse artigo trataremos do que é a trombose e como preveni-la.

A trombose acontece com a formação de um coágulo de sangue dentro de um vaso sanguíneo, esse coágulo gera a obstrução parcial ou total do vaso o que impede que o sangue flua normalmente através do sistema circulatório.

Um aumento anormal da coagulação do sangue (causado por fatores genéticos, ambientais ou desconhecidos), a lesão das células endoteliais da parede vascular (aumentada por infecções ou traumas) e o fluxo lento de sangue são fatores que contribuem para a formação de coágulos no sangue.

O desprendimento parcial ou completo do trombo na parede do vaso sanguíneo permite que o coágulo cause embolia nos órgãos vitais como cérebro, no coração, nos pulmões ou artérias das pernas.

Os coágulos de sangue que fluem livremente dentro dos vasos obstruem o fluxo de sangue. Como resultado disso, podem ocorrer condições patológicas graves, que colocam a vida em risco, como um acidente cerebrovascular, infarto do miocárdio, embolia pulmonar ou gangrena.

O tromboembolismo venoso é uma doença que envolve a trombose venosa profunda e a embolia pulmonar. Os fatores de risco que contribuem para esse problema são vários e incluem:

  • Imobilização
  • Hipercoagulação
  • Dano na parede das veias
  • Idade
  • Cirurgias (principalmente a cirurgia ortopédica do joelho e a substituição total)
  • Câncer
  • Genética
  • Gravidez
  • Aumento dos níveis de estrogênio (devido a terapias de substituição hormonal por via oral)
  • Obesidade
  • Tabagismo
  • Doença de Crohn

A trombose arterial, que ocorre nas artérias coronárias, conduz a um infarto do miocárdio (ataque cardíaco), enquanto que a obstrução dos vasos cerebrais causa um acidente cerebrovascular.

É importante assinalar que a tromboses venosa e arterial compartilham muito dos mesmos fatores de risco que o infarto do miocárdio, incluindo o tabagismo, a hipertensão e o diabetes.

A trombose venosa profunda é a forma mais comum de trombose venosa. Seus sinais e sintomas incluem: incômodo, sensação de peso, dor palpitante, coceira ou sensação de calor nas pernas, mudanças na pele da perna (tais como descoloração, engrossamento ou ulceração), inchaço nas pernas, joelhos e pés.

A síndrome pós-trombótica se desenvolve em pelo menos metade dos pacientes que sofrem do problema. Inchaço crônico na perna, dor na panturrilha, peso no peito/fatiga, descoloração da pele e/ou úlceras venosas nas extremidades afetadas são sintomas que caracterizam o problema.

A qualidade de vida é significativamente afetada em pacientes com esse problema. A embolia pulmonar (EP) é uma das complicações provenientes da trombose venosa profunda. Os sintomas e sinais de uma EP incluem:

  • Falta repentina de ar
  • Dor no peito
  • Tosse com sangue
  • Frequência cardíaca rápida ou irregular
  • Enjoos

Prevenção da trombose venosa profunda: estilo de vida saudável e check-ups regulares

sangue

Para diminuir o risco e ajudar a prevenir a trombose venosa profunda, siga essas dicas:

  • Mantenha um estilo de vida ativo, pratique exercícios regularmente e diariamente se possível. Caminhar, nadar ou andar de bicicleta são excelentes atividades para cumprir com tal finalidade.
  • Controle seu peso com exercícios e uma alimentação equilibrada e saudável.
  • Se você fuma, largue o hábito, a terapia da nicotina (chicletes, adesivos ou aerosol)  e os grupos de apoio podem tornar essa tarefa mais fácil.
  • Cheque sua pressão arterial com regularidade; tome medidas para reduzi-la caso seja necessário.
  • Reporte qualquer antecedente familiar ou pessoal de problemas de coagulação sanguínea ao seu médico.
  • Discuta alternativas às pílulas anticoncepcionais ou terapias de substituição hormonal com seu médico.
  • Caso permaneça em um avião, ônibus ou outro meio de transporte por mais de 4 horas, caminhe e alongue as pernas em seu próprio assento, também as mantenha hidratadas e evite o consumo de álcool.
  • Durante a gravidez, pergunte ao seu médico quais são as medidas necessárias e mais adequadas para prevenir a trombose venosa profunda.

A prevenção dos coágulos sanguíneos

É possível ajudar a prevenir os coágulos no sangue se:

  • Usarmos roupas folgadas
  • Levantarmos as pernas de vez em quando
  • Usarmos meias especiais (chamadas de meias de compressão), com a prescrição de um médico
  • Praticarmos exercícios recomendados por um profissional
  • Mudarmos de posição frequentemente, principalmente ao longo de uma viagem
  • Não pararmos ou sentarmos por mais de 1 hora
  • Comermos menos sal
  • Tentarmos não submeter as pernas a pancadas e não cruzá-las com frequência
  • Não utilizarmos almofadas debaixo dos joelhos
  • Levantarmos a parte inferior de nossa cama alguns centímetros
  • Tomarmos todos os medicamentos receitados por nosso médico
  • Nos mantermos ativos e em movimento