O suco de romã pode nos proteger contra o Alzheimer - Melhor Com Saúde

O suco de romã pode nos proteger contra o Alzheimer

Graças a seus resultados em estudos experimentais, se comprovou que a romã pode melhorar o Alzheimer, por isso os experts recomendam seu consumo
Como combater a oxidação em veias e artérias

O suco de romã vem se tornando, nos últimos anos, um verdadeiro presente para nossa saúde, e que devemos pensar mais nele. Mesmo que, em muitas ocasiões seja difícil soltar as sementes, esse pequeno esforço sempre valerá a pena.

Podemos consumir a romã de forma natural e, inclusive, combiná-la com ricas saladas. Mesmo assim, a forma mais interessante e benéfica de consumi-la é através de um suco natural.

Ajudará a controlar nosso colesterol, limpar as artérias, a lutar contra a inflamação e, além de tudo isso, segundo um estudo feito na Universidade de Londres, o suco de romã pode retardar a aparição da doença de Alzheimer.

Compartilharemos todas as informações no seguinte artigo.

Suco de romã para frear a aparição e avanço do Alzheimer

O Alzheimer é uma temida doença que apaga nossa identidade, quem somos, o que vivemos… Poderíamos dizer, sem sombra de dúvidas, que não há afecção mais triste, e ainda não existe tratamento que nos dê, nem se quer, uma esperança de ser evitada, ou alguma forma 100% segura de frear seu avanço.

Com isso, queremos dizer que, nos dias de hoje a única coisa que temos são medicamentos específicos que podem melhorar um pouco a qualidade de vida de quem sofre com ela.

Recomendamos ler: Romã, uma fruta que limpa as artérias

O suco de romã, assim como ter hábitos saudáveis, pode nos ajudar prevenir o Alzheimer entre 20 a 30%, segundo os especialistas. Como qualquer ajuda é sempre bem vinda, gostaríamos de compartilhar essas informações com você.

Neta-e-avo

O estudo

O estudo foi realizado em 2014. Os dados foram publicados na revista “Neurobiology of Disease” (Neurobiologia das doenças), e concluiu que um copo de suco de romã por dia pode nos ajudar a reduzir o acúmulo de proteínas danosas que estão associadas à doença de Alzheimer.

O codiretor do projeto, o doutor Olumayokun Olajide, nos diz o seguinte:

  • A doença de Alzheimer está associada com o acúmulo de placa em nossas células cerebrais, o que ocasiona a perda de mielina. A mielina é uma capa que reveste as próprias células e neurônios, cuja ausência provoca uma desconexão das mesmas, o que impede que a informação seja transmitida de forma adequada.
  • Esta placa, ou depósito, chamado de “beta-amilóide”, aparece por causa da oxidação celular.
  • Como já mencionamos, o estudo foi feito em laboratório no ano passado, e foram utilizados ratos. Aqueles que receberam, de forma regular, o suplemento de romã melhoraram suas funções cognitivas de uma forma muito positiva.

Leia também: O Alzheimer pode ser evitado?

  • Além disso, seus depósitos de beta-amilóide no córtex cerebral diminuíram em 50%. Um dado esperançoso.

Segundo os próprios cientistas, esse estudo demonstra, de forma clara, os efeitos positivos do consumo de romã para tratar o Alzheimer. Agora, os dados encontrados foram conseguidos por meio de um modelo animal, esse mesmo estudo precisa ser feito em humanos.

Ainda que sejam necessárias mais pesquisas para desenvolver um medicamento à base de romã, os médicos nos indicam que é muito recomendável que todas as pessoas saudáveis, em especial aquelas que já sofrem de alguma demência, aumentem a ingestão de romã.

Lembre-se: Devemos consumir sucos 100% naturais.

Outros benefícios que você deve conhecer da romã

Roma

A romã é boa para seu coração

Você a pode consumir de forma natural ou seu suco, mas se você o fazer de forma regular, sua saúde cardíaca vai agradecer, pois:

  • Reduz os níveis de colesterol ruim ou LDL, graças ao seu alto conteúdo de polifenol.
  • Ajuda também a evitar o endurecimento das artérias e na luta contra a arterosclerose.
  • Beber suco de romã diariamente aumenta em 130% a atividade antioxidante total no sangue.

A romã ajuda a prevenir e tratar a artrite

O extrato de romã ajuda a prevenir e tratar a aparição de osteoartrite. Isso se deve a sua poderosa ação para inibir as enzimas que decompõe a cartilagem, e ainda ajuda a combater a inflamação.

O suco de romã cuida da beleza e da sua pele

Um segredo de beleza ao seu alcance: a romã, quando consumida naturalmente, em suco ou cápsulas, seu extrato ajuda a proteger a pele diante dos ataques dos radicais livres, além de proteger da luz ultravioleta, dos raios UVA e UVB.

A romã, protetora frente ao câncer

Consumir o suco de romã diariamente pode oferecer grandes benefícios na hora da prevenção de doenças sérias, não apenas como o Alzheimer, mas como o câncer também. Lembramos, mais uma vez, que não vai ajudar a prevenir 100%, mas consegue ajudar de maneira muito positiva.

Convidamos você a descobrir: Como limpar o cólon e mantê-lo saudável

Vale a pena. Neste caso, a romã pode retardar a progressão do câncer de bexiga, de mama, de cólon ou de próstata.

Seu segredo está, como você já sabe, no seu alto teor de antioxidantes. Graças a eles, há a redução do crescimento de células cancerígenas e, além disso, ajuda a combater a aparição de tumores na pele, algo, sem dúvida, muito importante.

Comecemos hoje mesmo a tomar um copo de suco de romã natural!