Passos simples para branquear as axilas em casa

Passos simples para branquear as axilas em casa

O óleo de coco, além de nos ajudar a reduzir as manchas escuras nas axilas, também serve para neutralizar odores e hidratar a área.

Seja qual for a sua causa pessoal, as manchas e escurecimento das axilas é mal visto esteticamente, afetando a imagem, principalmente, quando usamos roupas que expõe essa zona do corpo. Felizmente, hoje em dia há muitas formas para branquear a pele das axilas e eliminar esse escurecimento que pode causar uma aparência suja.

Embora no mercado existam vários produtos que oferecem branqueamento das axilas e eliminação de manchas escuras, não é necessário investir altas quantias de dinheiro nesses custosos tratamentos. Uma excelente alternativa para branquear as axilas, sem gastar muito, é a aplicação de alguns remédios caseiros que podem dar excelentes resultados se aplicados com frequência. Você gostaria de conhecer os melhores tratamentos naturais para branquear suas axilas?

Esfoliante de limão e açúcar

Esse esfoliante natural é o primeiro passo para obter axilas visivelmente mais brancas e livres de manchas. Por ele conter limão na sua fórmula, é importante aplicá-lo em horas da noite, já que se exposto ao sol poderia ter efeitos contrários. O limão tem uma ação branqueadora muito poderosa, enquanto que o açúcar ajuda a esfoliar naturalmente para eliminar as células mortas. A única coisa a ser feita é misturar uma colher de açúcar mascavo em meio copo de suco de limão. A mistura deve ser aplicada diretamente nas axilas, deixando-a atuar por 15 minutos e, por último, enxaguar e secar bem a pele.

Creme caseiro para branquear as axilas

Mel

Com ingredientes naturais muito econômicos você pode fazer seu próprio creme branqueador caseiro para eliminar as manchas escuras das axilas. Para isso, é preciso misturar em um recipiente, uma colher de mel, o suco de um limão e duas colheres de aveia em flocos. Forme uma pasta com os ingredientes e aplique-a diretamente nas axilas, deixando que atue por 10 minutos.

Suco de limão

Uma forma mais simples de aproveitar os efeitos branqueadores do limão é aplicá-lo diretamente nas axilas todas as noites antes de dormir. O limão é um adstringente que ajuda a limpar profundamente a pele e estimula a eliminação de células mortas para obter melhores resultados.  Simplesmente, aplique o suco de limão nas axilas limpas, deixe-o atuar por 30 minutos e enxague bem antes de dormir.

Iogurte e aveia

AVEIA2-500x333

Esse tratamento de iogurte e aveia tem um poderoso efeito branqueador e esfoliante que ajuda a reduzir as manchas escuras das axilas graças à eliminação de células mortas na pele. Para isso, você deve misturar uma colher de iogurte natural com meia colherzinha de aveia em flocos. Esfregue a mistura com suaves massagens circulares nas axilas e, para terminar, retire-a com água fria.

Óleo de coco

O uso frequente de óleo de coco também pode ajudar a reduzir consideravelmente as manchas escuras nas axilas. Esse óleo tem um agradável aroma que neutraliza aromas, além de ter vitamina E e outras propriedades hidratantes muito boas para essa área do corpo.

Água oxigenada

Agua-oxigenada

Um produto muito econômico e eficaz para reduzir a aparência escura nas axilas é a água oxigenada. Esse produto natural reduz consideravelmente todo tipo de manchas, embora ele deva ser usado com precaução para não provocar reações alérgicas. Recomenda-se usar o de 10 volumes,  mas se ele não irritar a pele, é possível experimentar até o de 20 volumes. Simplesmente, aplique nas axilas afetadas, deixe atuar por no máximo 10 minutos e retire o produto com abundante água fria.

Vinagre de sidra de maçã

Esse produto é um ácido natural que ajuda a eliminar e a prevenir o crescimento de bactérias na pele. Ele tem uma ação branqueadora muito eficaz e também é bom para neutralizar os cheiros desagradáveis nessa área do corpo. Dissolva em parte iguais o vinagre de sidra de maçã e a água e aplique a mistura diretamente nas axilas usando um pano. É possível usar o vinagre de maçã sem diluir, sempre e quando ele não ocasionar reações na pele.