Prefira os detalhes aos presentes - Melhor com Saúde

Prefira os detalhes aos presentes

Para cultivarmos detalhes com a pessoa que amamos não precisamos de datas especiais. Qualquer momento é bom para lembrá-los o quanto são importantes e fundamentais em nossa vida.

Os detalhes edificam nossa existência porque se encontram naqueles atos espontâneos que nascem do coração. Preferir os detalhes aos presentes é um reflexo de quem aprecia verdadeiramente o que é sincero, longe das coisas artificiais e materiais.

Algo curioso e que devemos considerar é que por trás do ato de presentear se esconde uma autêntica psicologia que pode nos revelar muitas coisas.

Existem aqueles que carecem de atitude empática e presenteiam com a primeira coisa que encontram apenas para ficarem bem. Outros cuidam do presente decorando-o de acertados detalhes que, no final, emocionam.

Agora, existem aqueles que, longe de presentearem com objetos, optam por presentear detalhes ao longo de todo o ano sem precisar de uma ocasião especial.

Este último tipo de pessoa é o que mais nos enriquece, o que mais favorece os laços entre uns e outros e os que mais devemos procurar em nossas relações afetivas e, inclusive, no vínculo que construímos com nossos filhos.

Os vínculos emocionais que edificam os detalhes

Os pequenos detalhes são os que constroem as relações mais fortes e significativas. Em ocasiões, cometemos o erro de esperar que os outros façam grandes coisas por nós, que nos demonstrem seu afeto desenvolvendo ações que vão contra as suas essências.

Um exemplo disso encontramos naqueles pais que esperam que os filhos estudem ou orientem suas vidas no que eles mesmos planejaram. Ainda existem casais que também esperam que o outro cumpra cada uma de suas expectativas sem considerar que ele também tem suas próprias necessidades. Isso é um erro.

  • Os vínculos emocionais se constroem com base no respeito pelo outro, por isso todos são livres, se admiram e se conhecem respeitando seus próprios espaços.
  • Os detalhes que compartilhamos no dia a dia escondem essa cumplicidade entre pessoas que se conhecem, se respeitam e que se honram sem a necessidade de fazer grandes coisas, e sim por meio de pequenos atos onde fica claro um amor sincero.

casal-que-desfruta-dos-detalhes

Os detalhes refletem o quanto conhecemos o outro e sabemos do que ele precisa

  • Há quem pense que nos ofereceu o melhor dos detalhes quando, na realidade, com sua ação conseguiu nos impor seus próprios desejos, seu próprio egoísmo.

Por exemplo: Você prepara a viagem do fim de semana. Quer passar alguns dias sozinho, porque acumulou muito estresse e ansiedade. Justamente antes de ir, aparecem seus pais ou algum amigo que sugere “te acompanhar para te animar”.

  • Exemplos assim nos demonstram que os detalhes devem ser o reflexo do conhecimento e amor, mas também do respeito.

A reciprocidade está nos detalhes

Não existe egoísmo e nem chantagem nos detalhes, nem os duplos sentidos. São ações que se oferecem em liberdade porque amamos a outra pessoa e porque, por sua vez, nos sentimos amados.

  • É um vínculo onde se encontra o equilíbrio e a preocupação pelo bem-estar do outro.

Somos conscientes de que o melhor presente se chama “tempo” e de que, antes de fazer uso do cartão de crédito, a outra pessoa sempre agradecerá um sorriso, um olhar, um passeio compartilhado, uma tarde tranquila e íntima.

Os detalhes não precisam de dias especiais

Não é preciso dar uma flor por dia, nem um jantar romântico a cada fim de semana. Os presentes são boas opções para ocasiões esporádicas, mas os detalhes devem ser oferecidos frequentemente e, se possível, todos os dias.

Temos certeza de que você está de acordo com isso, com o fato de que os detalhes devem fazer parte desses rituais cotidianos que fazem um casal feliz e que tanto cuidam do bem-estar emocional, por exemplo, de nossos filhos.

Então… Porque esquecemos isso em muitas ocasiões ou deixamos passar despercebido?

  • Caímos na rotina e começamos a deixar as coisas de lado.
  • Dizemos a nós mesmos que isso não vale a pena, que “já nos conhecemos o suficiente”, que os detalhes são para começo de relacionamento…
  • Em ocasiões, alguns deixam de ser detalhistas no relacionamento porque a outra pessoa também não o é.

casal-passeando

Não é o adequado. Os detalhes são rituais de convivência que nutrem o coração e que nos oferecem segurança. A segurança e o reconhecimento de que somos queridos e importantes para outra pessoa.

Outro aspecto que devemos considerar é que, se notamos que nossa relação caiu na rotina, devemos lutar para reverter isso.

Tome a iniciativa, faça uso do bom humor, quebre a rotina, faça algo imprevisto e presenteie sempre “detalhes”, momentos que ficam para sempre na memória emocional da outra pessoa.

Em ocasiões, detalhes pequenos geram grandes e maravilhosas mudanças. Vale a pena colocar em prática.