Sol, de mocinho a vilão - Melhor com saúde

Sol, de mocinho a vilão

A radiação solar pode ser tanto benéfica quanto maléfica. Tudo depende do tempo e do modo de exposição.

A radiação ultravioleta solar nos fornece a vitamina D, tão necessária à pele. Contudo, causa inúmeras alterações na pele, tanto na pigmentação quanto na estrutura da derme.

Conceito

Radiação solar é a definição atribuída à energia radiante emitida pelo sol. O sol constitui quase 100% da massa total do no sistema, que não é atoa designado como Sistema Solar.

O sol é basicamente composto por dois elementos leves o hidrogênio e o hélio, e menores participações de outros elementos.

Importância do sol

O sol, assim como a água e o ar, é fundamental para a sobrevivência de todo o nosso sistema, e nossa própria sobrevivência, claro.

Não só contribui para a síntese da vitamina D em nossa pele como ativa sensações de bem-estar na nossa psique, por isso é indicado para amenizar depressões, por exemplo.

Mas cuidado com os danos

O sol pode ser essencial para a nossa sobrevivência  mas como bem sabemos, tudo em demasia gera problemas. Por isso a exposição exagerada e a falta de proteção adequada quando nos expomos ao sol, podem gerar sérios problemas de saúde.

A pele exposta à radiação ultravioleta (entre 12h e 15h) é afetada de forma agressiva, acarretando vários problemas na saúde da epiderme, além de gerar doenças graves, como o câncer de pele, que limitam muito a vida cotidiana.

Lista dos principais danos

  • Queimaduras;
  • Insolação;
  • Desidratação (perda de líquidos)
  • Rugas e envelhecimento precoce;
  • Lesões pré-malignas e malignas na epiderme e na derme;
  • Cataratas precoces, glaucomas;
  • Incompetência imune seletiva.

Proteção/prevenção

Até mesmo dentro de casa, devemos nos proteger contra a exposição aos raios solares. Por isso, é necessário usar diariamente o protetor ou bloqueador solar de fator até 60.

Além de chapéu, boné, e outros apetrechos quando nos expomos ao sol e que são úteis para evitar danos causados pelos raios solares.

Em dias de chuva ou nublados também deve ser usado o filtro solar, se possível, com fator mais baixo do que nos dias de sol, que precisa ser de fator 60 (máxima proteção).

Evitar pegar sol em praias e em demais locais ao ar livre em horários arriscados, depois das 10:00 h e antes das 16:00. O ideal é que a exposição ao sol ocorra entre 07:00 h  – 10:00 h e depois das 16:00 da tarde.

dos de femme sexy bronzé à la plage

O ideal é que a exposição ao sol ocorra entre 07:00 h – 10:00 h e depois das 16:00 da tarde.

Tratamentos para insolação e queimaduras

A insolação ocorre quando permanecemos muito tempo expostos ao sol sem proteção nenhuma (por mais de cinco horas ininterruptas). O mais adequado é procurar um hospital, tomar soro e realizar os demais procedimentos médicos.

Queimaduras possuem três níveis (de primeiro, segundo e terceiro graus); os dois primeiros níveis podem ser tratados em casa, porém, consultando previamente a um médico; já o terceiro nível, mais grave, requer maiores cuidados, visitas constantes ao hospital e até internação. Será preciso ingerir  muito líquido, fazer curativos, tomar injeções, etc.

Tratamento para desidratação

Quando o corpo fica por muito tempo exposto ao sol e sem ingestão de líquidos ocorre a desidratação. Para tratá-la, basta tomar bastante água, sucos de frutas ou água de coco e permanecer em temperatura ambiente, descansando.