Tratamentos naturais para a rosácea - Melhor com saúde

Tratamentos naturais para a rosácea

Para evitar interações entre esses remédios naturais e nosso tratamento médico, sempre devemos consultar um especialista antes de utilizá-los.

Atualmente, estamos expostos a uma infinidade de doenças, desde as mais conhecidas até as mais raras.

Existem doenças que podem passar despercebidas na maioria das pessoas e outras, como é o caso da Rosácea, são impossíveis de ocultar porque. na maioria dos casos. afetam o rosto do paciente.

Fora os incômodos próprios desta doença, devemos incluir aspectos que afetam a autoestima, podendo causar depressão e até provocar dificuldades na hora de conseguir um trabalho que exija contato direto com outras pessoas.

O que é a Rosácea?

A Rosácea é uma doença crônica da pele, na qual os vasos sanguíneos se inflamam e, como já mencionamos anteriormente, afeta geralmente o rosto, em certos casos os olhos e, em raras ocasiões, outras zonas do corpo.

A doença causa vermelhidão no rosto, habitualmente na zona do meio do rosto, além disso, podem aparecer nódulos inflamatórios e a presença de inchaço e ardor, como também pequenas veias debaixo da pele. A rosácea geralmente aparece em pessoas entre 30 e 50 anos.

No caso de afetar os olhos, eles podem inflamar-se, ressecar, aí ocorre uma sensação semelhante a de ter um corpo estranho no olho. A rosácea vai engrossando a pele, o nariz incha e aumenta de tamanho. A deformidade do nariz afeta mais os homens e é denominada de Rinofima.

Infelizmente, ainda não existe cura para esta doença. No entanto, existem medidas que ajudam a tratar e controlá-la. Como toda doença, os melhores resultados no tratamento são conseguidos a partir de um diagnóstico precoce.

O tratamento médico pode incluir aplicação tópica de medicamentos em casos leves. Em estados mais avançados, geralmente, é necessária medicação via oral.

Remédios naturais para a Rosácea

Lembre-se sempre de comentar com seu médico sobre sua intenção de iniciar um tratamento natural, para evitar interações com medicamentos que já tenham sido indicados.

As medidas naturais que mencionaremos a seguir serão utilizadas pelos seus efeitos anti-inflamatórios e antimicrobianos. São destinadas a diminuir a inflamação dos vasos sanguíneos do rosto e impedir que microrganismos possam produzir infecções a partir das lesões já existentes.

  • Camomila: limpe o rosto com uma infusão de uma colherada de flores de camomila em dois copos de água.
  • Maçã: limpe o rosto com uma colherada de vinagre de maçã diluída em um copo de água.

Os sabões com extrato de camomila também podem trazer bons resultados.

  • Oliva: aplique massagens suaves com azeite de oliva, realizando círculos com os dedos.
  • Pepino: aplique rodelas de pepino sobre as zonas inflamadas durante 5 minutos.

Cremes à base de pepino são favoráveis para estes pacientes.

  • Aveia: a farinha de aveia reduz a coceira e diminui a vermelhidão, atuando como um anti-inflamatório. Coloque um pouco de água em uma xícara e adicione 2 colheradas de farinha de aveia. Esfregue na área afetada.
  • Óleo de árvore do chá: ideal por suas propriedades antissépticas e anti-inflamatórias. Aplique com o dedo indicador umas gotas esfregando lentamente.
  • Trevo vermelho: contém cálcio, potássio, magnésio, fósforo, tiamina, niacina e vitamina C. Você pode beber o chá de trevo vermelho duas vezes ao dia.

 

A rosácea apresenta surtos recorrentes, desta maneira, devemos evitar os fatores que ativem estes episódios.

Fatores desencadeantes:

  • Contato direto com o sol
  • Exercício intenso
  • Estresse
  • Vento
  • Menopausa
  • Temperaturas muito frias
  • Banhos com água quente

Alimentos que devem ser evitados

  1. Condimentos
  2. Cereais integrais
  3. Queijos fermentados
  4. Bebidas alcoólicas
  5. Comidas picantes

Dicas

Utilize sempre o protetor solar, recorra a cosméticos para peles sensíveis, seque o rosto com suavidade e consuma vitaminas do complexo B. 

Lembre-se de que certos alimentos ou situações desencadeiam os surtos de Rosácea, desta maneira, procure evitá-los, para prevenir os próximos episódios da doença. 

Consulte imediatamente seu médico no caso de apresentar os sintomas de Rosácea, para impedir o agravamento da doença.