Tire o poder de tudo que perturba a sua mente - Melhor Com Saúde

Tire o poder de tudo que perturba a sua mente

Se quisermos nos libertar dos pensamentos negativos o primeiro passo é aprender a reconhecê-los e transformá-los para que, em vez de nos paralisar, eles possam nos ajudar a avançar.
Tire o poder do que perturba a sua mente

A sua paz interior não é negociável. Por isso, é necessário que comecemos a “economizar” e a manter em nossa vida apenas o que é importante. É preciso enfraquecer e tirar o poder de tudo aquilo que nos faz mal e que perturba a nossa mente.

Assim como costumamos dizer, em algumas ocasiões, não há pior inimigo do que você mesmo, e não existem piores torturadores do que nossos próprios pensamentos.

Aqueles que nos lembram, uma e outra vez, dos erros de ontem, os que trazem a sombra dos medos e impedem o nosso crescimento pessoal.

Na vida temos que andar leves. Quanto menos cargas você tiver em sua mente e coração, mais leve você avançará por seu ciclo vital. Porque tudo o que o incomoda ou preocupa faz com que você se torne um prisioneiro.

Por isso, hoje queremos ensinar três formas através das quais você pode tirar o poder de tudo o que perturba a sua mente.

Aprender a ser consciente dos pensamentos perturbadores

Moca-carregando-planeta

A mente humana pode chegar a ser um espaço tão complexo quanto desconhecido. Nela, habitam nossas experiências e a atribuição que nós demos a elas.

Em alguns momentos, estas atribuições não são as mais adequadas (se uma pessoa me abandona, por exemplo, atribuo a mim a culpa, porque não sou atraente ou interessante o suficiente).

Temos que avaliar de forma minuciosa o que há por trás destes pensamentos que todos os dias limitam a nossa paz interior e o nosso equilíbrio. Para fazer isso, devemos levar em conta os seguintes conselhos:

  • Ofereça todos os dias algumas horas a si mesmo, para descansar e pensar.
  • Pegue uma folha de papel em branco e, através de várias palavras, tente descrever como você se sente: irritado, incomodado, com raiva, solidão, ameaçado, com medo…
  • Uma vez que estas emoções são colocadas para fora, é o momento de ver o que há por trás delas:
    • Por que sinto raiva? Porque esta pessoa me traiu.
    • Por que sinto medo? Porque temo que me deixem de lado

Agora é o momento de dar a resposta a estes pensamentos e decidir o que você pode fazer para resolvê-los.

A mente precisa estar livre de emoções negativas

Flores

Uma mente tranquila é reflexo de saúde. Isso é algo que devemos levar em conta desde o começo, porque se cairmos no lado da preocupação contínua, da raiva ou da tristeza, iremos adoecer.

Aprenda a perdoar e a deixar ir

A necessidade de perdoar é vital em nosso dia a dia por uma única razão: permite que nos libertemos. Sabemos que é difícil, sabemos que dói, mas uma vez que você perdoe e deixe ir, o seu interior irá se acalmar.

Transforme os pensamentos negativos em positivos

Há momentos em que nossos pensamentos recorrentes têm um claro componente negativo: não posso, não mereço, para mim não vai dar certo, já é tarde demais.

Vale a pena fazer um esforço para transformar cada pensamento negativo em um positivo: sim, eu posso, e sim, eu mereço.

Desative os pensamentos obsessivos e troque-os por novas ilusões

Há momentos em que um medo interno se transforma em algo obsessivo. Pensemos, por exemplo, nas pessoas que tendem a ficar obcecadas pelo fato de que seus parceiros não a querem o suficiente.

Este tipo de obsessão nos leva a desenvolver novos medos e a trazer a infelicidade tanto para nós mesmos quanto para os demais.

Vale a pena desviar estas obsessões para outros focos de interesse: focarmos em sermos felizes, em cuidarmos de nós mesmos. Se você for feliz, fará os outros felizes também.

Em ocasiões, os pesos da mente se resolvem com mudanças

Menina-com-peixes

Pense na sua mente como se fosse um quarto. Há épocas de nossa vida nas quais, sejam quais forem as razões, fechamos todas as janelas e mantemos este cômodo escuro, sem que entre ar.

Dia após dia a atmosfera será intoxicada e, com ela, nós também. Não vemos novas perspectivas, não entra uma brisa fresca, aquela que nos oferece oxigênio e fragrâncias purificadoras.

É necessário “abrir a mente” e, para fazer isso, para nos livrarmos desta escuridão que cobre a nossa mente, é preciso fazer mudanças. Fazer com que este quarto se transforme em um palácio de paz cheio de portas e janelas para novas oportunidades.

Se você estiver limitado, seja por outras pessoas ou por uma determinada situação, atreva-se a mudar, a sair desta realidade.

  • Um dos piores inimigos da mente é a rotina. O fato de fazer todos os dias a mesma coisa. Tente fazer com que cada dia exista algo diferente e novo.
  • Conheça pessoas diferentes, deixe que o mundo se abra para você através de novos enfoques, pensamentos e sensações.
  • Evite estar em casa durante muito tempo. Saia para caminhar, inscreva-se em cursos, passe um tempo com as suas amizades.
  • Desenvolva uma ilusão todos os dias por coisas novas.
  • Seja crítico. Tenha a sua própria opinião sobre as coisas e nunca se canse de aprender, de ler, de experimentar.

A mente precisa ser livre e abrir as suas janelas para que tudo o que é tóxico se vá e, com isso, as preocupações. A sua saúde física e emocional notará se você colocar estes conselhos em prática.