Como tratar a tendinite naturalmente - Melhor com saúde

Como tratar a tendinite naturalmente

Se temos algum tipo de alergia ao ácido acetilsalicílico podemos optar por qualquer remédio menos o salgueiro, já que é dele que provém a aspirina.

A tendinite é basicamente uma inflamação ou inchaço de um tendão, estruturas fibrosas de nosso corpo que une os músculos com os ossos.

A tendinite é bastante dolorosa que dificulta bastante nossa atividade diária e, ainda que na maioria das vezes esteja associada a uma lesão ou a uma sobrecarga, também pode aparecer à medida que ficamos mais velhos: os tendões vão perdendo a elasticidade original e aparecem também degenerações chamadas “tendinoses”.

Onde aparece a tendinite?

Por ser uma estrutura tão básica em nosso corpo e cumprir a importante função de unir o músculo com o osso, a tendinite pode aparecer em qualquer estrutura, mas ela aparece mais comumente nas seguintes partes:

  • Cotovelo
  • Calcanhar (tendinite aquileana)
  • Punho
  • Ombro

Causas

tendinite1

  • Golpes ou lesões que afetam diretamente o tendão.
  • Golpes ou lesões pequenas que ao acontecerem muitas vezes por uma determinada atividade causam uma lesão.
  • Trabalho excessivo em uma determinada parte de nosso corpo até produzir uma sobrecarga.
  • Alguma infecção.
  • Doenças reumáticas, e inclusive a diabetes.
  • A idade, onde o tendão perde a elasticidade necessária.

Sintomas

  • Dor e inflamação em uma zona determinada, sobretudo ao tentar fazer um alongamento.
  • Dor excessiva durante a noite.
  • Às vezes esta dor pode ser confundida por uma entorse, ou quebra de um osso.

O médico será a pessoa que determinará o diagnóstico preciso e o melhor tratamento. Há testes específicos para discriminar com exatidão se o que temos é uma tendinite, mas sempre é bom saber prevenir determinadas doenças e inclusive lesões que mais tarde acabarão prejudicando nossa qualidade de vida.

A seguir, oferecemos simples métodos para tratar a tendinite, técnicas que aliviam a dor e de algum modo, nutrem seu organismo com o fim de manter seus tendões fortes e elásticos.

Tratamento exterior da tendinite

tendinite2

1. Repouso do membro afetado

É importante que a parte inflamada de nosso corpo, seja o ombro, o pulso ou o calcanhar esteja imobilizado por alguns dias a fim de que o movimento não afete o tendão lesionado. Ás vezes os médicos podem aplicar o gesso, mas não é necessário se nos mantivermos em repouso e sem realizar atividade alguma que possa aumentar a lesão.

2. Aplicação de frio e calor

As bolsas com gelo são ótimas para reduzir a inflamação, assim como alternar as compressas frias com compressas quentes (sem que cheguem a queimar) sobre a superfície afetada. Você pode também fazer infusões de camomila e aplicar emplastros com ela. A camomila é muito boa para diminuir a inflamação.

3. Aloe Vera

Excelente regenerador, a aloe vera alivia a inflamação e é ideal para a tendinite. Você pode colher duas ou três folhas da planta, extrair seu suco e misturar com meio copo de água quente até conseguir uma espécie de mingau mole. Coloque a mistura obtida em uma compressa e em seguida aplique na zona onde está a tendinite e cubra com uma bandagem.

4. Banhos com sal e vinagre

Esquente água e coloque no recipiente sal grosso e um copo de vinagre. Submerja a zona afetada no recipiente durante 15 ou 20 minutos. Pode repeti-lo três vezes ao dia. Pouco a pouco notará alívio.

5. Massagens com álcool de alecrim:

O alecrim possui grandes qualidades para desinflamar, atuando também como antirreumático, antisséptico, cardiotônico, etc. Podemos então elaborar um tônico a partir de 25 gramas de alecrim. Ponha o alecrim no interior de uma garrafa escura e hermeticamente fechada, misture com 250 mL de álcool etílico. Deixe em repouso uma semana, depois coa o líquido. O líquido obtido é um excelente tônico para massagear a zona afeta com a tendinite.

Tratamento interno da tendinite

Salgueiro

Atua como aspirina. Você pode usar 2 gramas do caule seco de salgueiro para fazer uma infusão com um copo de água. Consumir uma xícara ao dia é suficiente (não consumir se for alérgico a aspirina).

Equinácea

Potente anti-inflamatório e ideal para tratar lesões musculares e dos tendões. Podemos tomar a infusão da Equinácea: uma colherada da planta seca com um copo de água. (Tome até 2 xícaras por dia).

Alimentos ricos em magnésio e silício

Estes compostos são excelentes facilitadores da regeneração dos músculos e tendões, e podem ser encontrados nas amêndoas, na soja, no espinafre, na alface, no aspargo, etc.

Abacaxi

Maravilhosa fruta para evitar a inflamação dos tendões. É muito comum na dieta de atletas para evitar lesões e suavizar dores musculares. Seria muito bom se introduzíssemos o abacaxi em nossas saladas, e se possível misturar com pedaços de mamão, pois essa combinação é perfeita e adequada para tratar tendinite.