Usar sutiã é bom ou ruim?

Ainda que o uso do sutiã seja determinado pelo tamanho dos seios, o certo é que não devemos abusar dessa peça íntima para permitir que os seios relaxem.

Sem dúvidas, essa pergunta sobre o uso do sutiã causa polêmica.

Há aqueles que defendem seu uso como se representasse a capa e a espada, outros que dizem que só é preciso usá-lo em certos momentos do dia e outros indicam que essa peça de roupa feminina não ajuda e tem efeitos contrários aos desejados.

Neste artigo falaremos mais sobre a dúvida a respeito de ser bom ou ruim usar sutiã. Não perca!

Estudo sobre os efeitos do sutiã nos seios

estudo-sobre-os-efeitos-do-sutia-nos-seios

O doutor Jean Denis Rouillon, da Universidade de France-Comté, estuda há anos os efeitos do sutiã nas mulheres.

Suas pesquisas se baseiam em analisar, observar e medir os seios das voluntárias, assim como também permitir a cada uma que conte sua experiência ao usar ou não sutiã.

Algumas delas aceitaram tirar o sutiã em determinadas situações (como, por exemplo, ao praticar esportes) e outras optaram por nunca usar a peça.

Segundo as primeiras conclusões, quando não se usa essa roupa íntima os mamilos sobem uma média de 7 mm por ano. O motivo? Os seios se fortalecem.

Para várias das voluntárias do projeto, praticar esporte sem sutiã não é um problema, assim como ir trabalhar, ficar em casa ou ir a uma festa. Seus seios não doem no fim do dia e nem sentem pressões ou incômodo durante o dia.

Veja também: Usar sutiãs influencia o desenvolvimento de câncer de mama?

O único ponto negativo a destacar é a reação das pessoas ao seu redor, que olham de forma estranha ou dizem que devem usar sutiã.

Em todo caso, para evitar olhares ou comentários, muitas optaram por usar modelos sem as hastes metálicas.

O certo é que esse estudo poderia deixar de lado uma grande parte da população feminina: as com mais de 30 anos, com seios grandes, sobrepeso ou que já são mães.

Tudo pode mudar então se alguns requisitos forem cumpridos. Por exemplo, durante a gravidez os seios crescem e as glândulas mamárias se deslocam para baixo. Nesse caso seria bom usar um sutiã.

Mitos e verdades sobre o uso do sutiã

Muitos podem pensar que as mulheres usam sutiã desde sempre, porém isso não é verdade. É praticamente uma invenção moderna baseado na moda.

Alguns dos mitos e verdades que giram em torno do uso desta peça são:

“Usar sutiã é necessário”

Novamente temos que citar o professor Rouillon para responder a essa ideia. Segundo este profissional, o sutiã pode causar estrias, flacidez e perda de firmeza nos seios.

Portanto, é uma “falsa necessidade”.

“É imprescindível para lutar contra a gravidade”

Não sabemos o que Isaac Newton diria a respeito, mas a maioria das mulheres acredita que usar sutiã ajuda a evitar ou reduzir a queda dos seios.

Apesar de isso parecer uma lei feminina, o certo é que essa peça limita o crescimento dos tecidos que suportam os seios. Portanto, não apresentaria um benefício anatômico ou fisiológico.

“Os modelos com hastes são melhores”

sutiã

É verdade que essa peça marca os seios de uma outra maneira e fica muito elegante. Porém, também tem suas contra indicações.

O uso excessivo de sutiã com aros ou hastes metálicas causa lesões ou feridas tanto internas quanto externas. Inclusive, isso é relacionado com o aumento do risco de desenvolvimento de câncer de mama.

“O sutiã também é usado durante a noite”

Algumas mulheres não tiram o sutiã quando vão dormir por medo da lei da gravidade ou porque acreditam que ao mantê-lo se sentirão mais cômodas na hora de deitar de barriga para baixo. A primeira ideia é um mito e a segunda tem a ver com crenças ou hábitos.

Segundo a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos e Reconstrutivosos ligamentos microscópicos mantêm os seios em seu lugar.

Quando estão “acostumados” a outro item fazendo o trabalho por eles (ou seja, o sutiã) se enfraquecem e é mais provável que surja flacidez na região.

“Quanto maiores os seios, mais justas as alças”

Seria melhor comprar um modelo cujas alças sejam de acordo com o tamanho e peso do busto. Se você tem seios muito grandes as alças precisam ser mais largas (e vice-versa).

É preciso saber também que, quanto mais “tensão” houver nas alças, mais trabalho inverso os ligamentos dos seios terão de fazer.

Portanto, ao tirar o sutiã os seios cairão mais do que de costume, como se fosse um elástico que se solta depois de ter sido tensionado durante horas.

Leia também: Seus seios doem ou coçam? Conheça as possíveis causas!

“O sutiã é necessário ao praticar esportes e durante a gravidez”

sutiã

Isso é totalmente certo, já que nesses momentos os seios ou fazem esforços e movimentos diferentes, ou crescem mais do que o habitual.

Não há dúvida de que em cada caso deve-se usar um modelo especial e sempre lembrar de tirá-lo à noite ou depois do exercício devido à transpiração que se acumula na peça.

Outras circunstâncias que nos levam a precisar mais de um sutiã são:

  • Sobrepeso.
  • Seios grandes em proporção ao corpo.
  • Mulheres que amamentam ou já passaram da menopausa.

Por último, a quantidade de horas que podemos usar o sutiã não deve ultrapassar as 7 ou 8 horas por dia. Podemos usá-lo quando estivermos no trabalho ou fora de casa e, quando chegarmos, tirá-lo.

Dessa maneira os seios relaxam e os riscos relacionados a essa peça íntima são reduzidos. E claro, nunca o use dormir!

Categorias: Curiosidades Tags:
Recomendados para você