10 usos da lavanda em casa, na cosmética e na medicina

10 usos da lavanda em casa, na estética e na medicina

Graças a sua fragrância, a lavanda pode nos ajudar a relaxar e é capaz de melhorar estados de depressão e nervosismo. Podemos usá-la fresca, em infusão ou ainda, como óleo essencial.
Usos da lavanda

A lavanda, também conhecida como alfazema, é uma das plantas medicinais mais populares e usadas desde centenas de anos.

Trata-se de um arbusto lenhoso, perene, cujas flores violetas ou azuladas vistosas têm um cheiro agradável que é aproveitado no preparo de aromatizantes e perfumes.

É originária das regiões montanhosas do Mediterrâneo, e estima-se que há entre 25 e 30 espécies no gênero Lavandula.

Atualmente seu uso foi estendido por muitos lugares do mundo e há quem a aproveite como remédio natural, em tratamentos estéticos e em várias tarefas de casa.

Se você ainda não experimentou todas essas aplicações, conheça os 10 usos com os quais podemos aproveitar as propriedades da lavanda.

1. Afastar os ácaros

Óleo-de-lavanda
Se você teme que os ácaros invadam seus armários, pegue um pequeno ramalhete de folhas de lavanda, amarre-as com um fio e coloque-as em uma bolsinha de tecido.

Coloque-as em um dos cantos da gaveta, ou melhor ainda, em vários cantos de várias partes dos móveis. Seu cheiro não apenas afastará os insetos, mas também dará um aroma agradável às suas roupas.

Veja também: Como fazer limonada de lavanda para tratar a dor de cabeça e a ansiedade

2. Aromatizante natural

Você continua comprando ambientadores artificiais? Então abandone os químicos! Consiga uma planta de lavanda ou algumas flores e coloque-as nas áreas da casa em que deseja eliminar os maus odores.

3. Sabonete

sabonete-de-lavanda

No que diz respeito aos cosméticos, a lavanda é uma grande aliada. Ela ajudará a limpar a pele em profundidade e dará um efeito relaxante para que sinta-a como nova.

Se quiser fazer um sabonete artesanal com propriedades terapêuticas, não deixe de considerar o uso de flores frescas ou óleo essencial desta planta.

4. Condicionador para o cabelo

A infusão concentrada de flores de lavanda tem um efeito condicionador quando aplicada sobre o cabelo depois da lavagem comum com shampoo.

Seu uso regular dá brilho ao cabelo e evita que os nós incômodos que tornam o penteado difícil se formem.

5. Tônico natural

oleo-essencial-de-lavanda

Sem tônico para o rosto? Uma infusão suave destas flores também pode substituir os tônicos comerciais que costumam ser caros.

Suas propriedades facilitam a limpeza da pele, removem o excesso de oleosidade e deixam uma sensação de frescor por mais tempo.

Basta mergulhar um algodão no líquido, preferencialmente quando estiver bem frio. Esfregue-o por todo o rosto e inclua este passo em sua rotina de beleza diária.

6. Controlar o sistema nervoso

A fragrância natural e sedativa da planta é útil para controlar as alterações no sistema nervoso.

Os aromas que libera demonstraram ser uma boa terapia para controlar o nervosismo, a depressão e a inclusive as dores de cabeça.

7. Prevenir a insônia

Dormir

Se a insônia está roubando sua qualidade de vida, não deixe de aproveitar as qualidades da lavanda para enfrentá-la. Tanto a infusão quanto seu óleo essencial relaxam o corpo e o induzem a um bom sono.

8. Controlar os problemas respiratórios

As propriedades destas flores são úteis para desobstruir as vias respiratórias em casos de congestão por gripe ou resfriado.

Seus componentes favorecem o relaxamento muscular nas regiões afetadas, o que permite uma respiração melhor.

Para aproveitá-la deve-se aplicar em forma de compressa ou óleo essencial no pescoço ou no peito.

9. Aliviar os transtornos cutâneos

As qualidades antissépticas e fungicidas desta erva são úteis no tratamento de problemas cutâneos como os fungos e as inflamações.

Sua aplicação regular atua como um apoio para curar feridas, pancadas ou queimaduras causadas pelo sol.

Sua concentração de nutrientes tem um poder cicatrizante que aumenta a produção de colágeno para uma restauração adequada.

No entanto, é primordial saber que a aplicação de seu óleo essencial pode ser um pouco irritante, por isso o melhor é diluí-lo com outro ingrediente.

10.Tratar as doenças musculares

Dor-no-pescoço

Tanto a lavanda em seu estado natural quanto o óleo essencial contam com propriedades anti-inflamatórias e sedativas que servem para o alívio das dores musculares.

Sua aplicação tópica por meio de massagens ou compressas proporciona sensação de relaxamento diante de dores reumáticas, nas costas e nos pés.

Também é utilizada como remédio contra o torcicolo, já que desinflama as vértebras cervicais e permite recuperar a mobilidade do pescoço.

Não conhecia esses usos da lavanda? Agora que já sabe de todas essas aplicações, não deixe de adquiri-la em lojas de produtos naturais, seja seca ou como óleo essencial.