Você sabe do que são feitos os nuggets de frango? - Melhor Com Saúde

Você sabe do que são feitos os nuggets de frango?

O problema dos nuggets de frango não são as partes do animal, que incluem todo tipo de vísceras, mas sim os conservantes e aditivos adicionados a ele.
nuggets de frango

Certamente você conhece essa comida que pode ser adquirida em redes de fast food ou em versões congeladas para fritar em casa. Nos anúncios publicitários os mostram bem dourados e crocantes, parecendo uma verdadeira tentação, mas você sabe do que são feitos os nuggets de frango? Neste artigo você irá descobrir, e então decidir se quer continuar comendo-os ou não.

Sua imagem deliciosa faz com que fiquemos com água na boca para comer mais de um. Acreditamos que se trata de um alimento mais saudável para nossos filhos, e se o médico recomendou evitar carnes vermelhas por causa do colesterol, pensamos que os nuggets são uma boa opção que não elevará nosso nível de triglicérides. Pensemos por um instante antes de escolher este item nas redes de fast food ou prepará-lo como uma alternativa rápida quando não sabemos o que fazer para o jantar ou o que levar de lanche para o trabalho ou escola.

Como são feitos os nuggets de frango?

O recheio com o qual são feitos os tão deliciosos nuggets de frango que costumamos comer como uma alternativa aos hambúrgueres parece uma espécie de iogurte de morango congelado, ou uma goma de mascar gigante. Na realidade, é uma pasta cor de rosa, consequência da trituração dos frangos inteiros separados mecanicamente. É isso que revela em seu blog, Early Onset of the Night, o americano Michael Kindt.

nuggets-frango

Mas o assunto não termina aqui. A massa que resulta desta técnica está cheia de bactérias. Então, o que fazem para eliminá-las? Lavam-na com amônia. Solução simples e repugnante ao mesmo tempo. Mas claro, se o processo acabasse aí perceberíamos quando abríssemos um destes lanches. Por isso, o mecanismo usado para ocultar o sabor e o odor deste desinfetante químico, é o uso de cobre com aromatizantes e corantes artificiais (se pararmos para pensar, também há uma grande quantidade desses aditivos em outros alimentos que estamos acostumados a consumir diariamente).

O reconhecido chefe Jamie Oliver foi o encarregado de conhecer o processo de elaboração dos tão famosos nuggets de frango, no seu programa de televisão chamado Food Revolution, transmitido pelo canal ABC. Ele fez sua própria demonstração do processo de elaboração, com o objetivo de que os pais parem de dar este alimento a seus filhos. No entanto, ele não obteve o êxito esperado.

Mais tarde, o canal NatGeo retransmitiu em um programa a maneira através da qual os alimentos eram processados usando a técnica da “separação mecânica“, onde se explica um pouco mais sobre a produção dos nuggets de frango.

nugget

Investigação do Huffington Post sobre a “comida falsa”

O título do artigo publicado por este jornal reconhecido a nível internacional é “Comida falsa. É isso que chamam de frango?”. Nele, difundiu-se a informação de que os nuggets não têm somente carne de ave (que é o único que deveria conter), mas também vísceras, ossos triturados, gorduras, veias, nervos, cartilagens e cerca de 30 aditivos. Menos de 50% da sua composição é de frango, a outra parte é formada por restos e misturas. “Quando pedimos fast food, temos consciência de que não se trata de um prato muito saudável, mas esperamos que ao menos se trate de comida. Frango é frango e a carne é carne não?” É assim que começa o artigo do Huffington Post.

Esse meio de comunicação realizou uma série de estudos sobre a “comida falsa”. No caso dos conhecidos nuggets de frango, somente a metade é verdadeiramente carne desse animal (ainda que processada de forma não muito saudável), e o restante conta com três dezenas de ingredientes adicionados, entre eles o sulfato de alumínio.

nuggets-de-frango

O American Journal of Medicine comparou os nuggets oferecidos em duas cadeias de fast food (sem dizer quais eram, ainda que possamos deduzir). Eles tinham somente 50% de carne de frango, e o resto era uma mistura de cartilagens, nervos, ossos triturados, veias e gordura.

Segundo o Dr. Richard D. deShazo, do Centro Médico da Universidade de Mississipi, “As empresas escolheram usar uma mistura artificial que combina partes do frango em vez da carne com pouca gordura. Untam esta mistura com manteiga, fritam-na e continuam falando que se trata de frango. É um produto à base de frango, mas também contém  muitas calorias, sal, açúcar e gorduras. Por isso, não é nem um pouco saudável”.

O Dr. David Katz, da Universidade de Yale, disse que esta mistura pode causar muitos danos, ainda que não existam muitos resultados de estudos realizados. No entanto, foi confirmado que somente o fato de sabermos que se processam vasos sanguíneos, ossos triturados e nervos não faz com que as pessoas parem de consumi-lo, temos também que conhecer quais são os aditivos usados para dar ao alimento consistência e sabor de frango. Dessa forma, o problema principal dos nuggets de frango não são as partes do animal, mas sim os conservantes e aditivos químicos que são adicionados a ele.

haciendo-nuggets

Voltando ao estudo feito pelo Huffington Post, foi encontrado em um pedaço de frango frito, um antiespumante chamado dimetilpolissiloxano, presente nos anticongelantes dos carros. Ainda não foi declarado que esses aditivos sejam prejudiciais, mas também não afirmam que são benéficos. Outro fabricante deste prato de fast food adicionou glutamato monossódico, associado a dores de cabeça e suor excessivo. Em todos os casos, o produto tem uma boa quantidade de dextrose, um açúcar adicionado. Além disso, dez unidades contêm 900mg de sódio antes de serem fritas, muito acima da dose diária recomendada.