Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Arriba

Para que serve o cravo da Índia?

Para que serve o cravo da Índia?

Já faz muitos anos que esta especiaria tem sido utilizada como condimento em comidas, tanto doces quanto salgadas, e é muito popular em várias regiões do mundo.


Mas, além dessas propriedades gastronômicas, também oferece vantagens curativas, graças às suas propriedades analgésicas e antissépticas.

 

Propriedades do cravo da Índia

 

O cravo da Índia apresenta as seguintes propriedades:

 

- Anestésico

- Antibacteriano

- Afrodisíaco

- Analgésico

- Estimulante

- Antiespasmódico

 

para-que-serve-o-cravo-da-india.scyrene

 

Um de seus componentes mais importantes é o eugenol, que impede a coagulação sanguínea, tornando-o ideal para pessoas que apresentam doenças cardiovasculares ou para evitar o desenvolvimento dessas. É utilizado em tratamentos odontológicos, como arranjo para cáries ou dutos.

Por apresentar flavonoides, o cravo da Índia ajuda a reduzir o nível de açúcar no sangue e pode ser utilizado como anti-inflamatório ou antibiótico.

Quanto aos seus valores nutricionais, oferece vitamina A, vitamina C, manganês, vitamina K, magnésio, cálcio, potássio e ácidos graxos ômega-3.

 

Utilidade

 

Esta especiaria é excelente para reduzir o problema conhecido como pé de atleta e os fungos dos pés, aliviar a diarreia, curar infecções graves (parasitas intestinais, tuberculose, cólera e malária), aliviar a dor de cabeça e estimular a circulação, evitando os pés frios.

 

para-que-serve-o-cravo-da-india.3

Um dos importantes benefícios do cravo da Índia é o de estimular a circulação sanguínea.

 

Como utilizar o cravo da Índia?

 

Mesclado em forma de pó, com mel, é bom para as náuseas e a distensão abdominal. Também pode ser utilizado como infusão, fervendo 2 a 3 cravos em uma xícara, deixando repousar durante 10 minutos e adoçando com mel, sendo eficaz contra flatulência.

Também é possível preparar uma pasta com sal, água e cravo para massagear a testa e as têmporas em casos de enxaqueca.

Aqueles que sofrem de dor nos dentes podem aplicar uma mescla de um quarto de uma colher de sopa de azeite de oliva e uma gota de óleo de cravo, diretamente na parte afetada. Se a dor for nas gengivas, pode-se esfregar o pó do cravo ou umedecer um algodão com uma gota de óleo de cravo e aplicar para conseguir um efeito anestésico.

Mulheres que apresentam contrações para o trabalho de parto podem massagear o abdômen com óleo de cravo.

O óleo também é ideal para dores de ouvido (aplicando uma gota no ouvido afetado). A infusão de cravo é boa para os que enjoam em viagens a muita altura e também para o tratamento de cólera.

 

Imagens oferecidas por: Dan Bar Dov e scyrene (flickr.com)