Tipos de câncer mais comuns em mulheres

São vários os tipos de câncer que podem surgir em diferentes partes do corpo humano. Porém, alguns deles costumam ser mais comuns em mulheres, que devem ficar atentas aos sinais e frequentar médicos rotineiramente para prevenir-se.


Para ajudar a entender, preparamos o presente artigo com algumas doenças que mais atingem o sexo feminino e explicaremos cada uma delas. Confira!

CÂNCER DE MAMA

 

Mamas

Fazer o autoexame das mamas também é importante para detectar nódulos, mas não deve ser a única medida adotada.

 

Esse é, de fato, o tipo mais comum entre as mulheres. Ele surge principalmente em quem já passou dos 50 anos, mas há a possibilidade de mulheres jovens apresentarem a doença. Para evitar, é preciso ficar atenta aos fatores de risco e fazer exames clínicos além de mamografia rotineiramente para detectar a doença precocemente.

Saber como fazer o autoexame das mamas também é importante para detectar nódulos, mas não deve ser a única medida adotada.

 

CÂNCER DE COLO DO ÚTERO

 

Cancer de utero-matriz

 

A principal causa desse tipo de câncer, o segundo mais comum entre mulheres, é o Papiloma vírus Humano (HPV), transmitido através de relações sexuais sem proteção. Esse vírus pode se manifestar por verrugas indolores na pele, mas na maioria das vezes não apresenta sintomas.

Subtipos de HPV podem provocar alterações celulares no colo do útero que, por sua vez, podem levar ao câncer. O ideal para prevenir é usar camisinha durante o sexo, fazer acompanhamento médico periodicamente e também tomar a vacina contra o HPV.

 

CÂNCER DE ENDOMÉTRIO

 

a44

 

Essa doença, que afeta a camada interna do útero, é exclusivamente feminina e está relacionada a desequilíbrios hormonais, obesidade, diabetes e pressão alta. Tem como principal sintoma o sangramento anormal, principalmente após a menopausa. O diagnóstico é feito através de exames como ecografia transvaginal e biópsia.

 

CÂNCER DE VULVA

 

É um tipo raro, mas também pode surgir em mulheres. O tipo mais comum de câncer de vulva é o carcinoma espinocelular, um tipo de câncer de pele que surge como uma mancha ou ferida que não cicatriza e vai aumentando de tamanho.

Esse tipo de doença é mais frequente nas mulheres após a menopausa, mas alguns fatores podem ocasionar o surgimento da doença em mulheres mais jovens. Depois do exame clínico, o diagnóstico é confirmado através de biópsia.

 

CÂNCER DE OVÁRIO

 

É um dos menos frequentes, mas não menos perigoso. Isso porque ele é mais difícil de ser diagnosticado, já que não apresenta sintomas na fase inicial. Conforme cresce, o tumor pode provocar dor ou inchaço no abdômen, náusea e cansaço constante.